9 de julho de 2014

Mini Imagine - Criminal Teacher

MINI IMAGINE COM ZAYN MALIK - PARTE 2/3
capitulo anterior - click
a

On the fence, all the time
Paint junk honey, face so sunny, ain’t that funnu
All my friends always lie to me 
I know they’re thinking
the neighbourhood - afraid


3 MESES DEPOIS < 

Quando eles disseram "bem vindo ao bando" e "você é diferente dos outros professores", não entendi bem, mas depois de três meses no colégio, pude entender tudo perfeitamente. 
Por ser um colégio bem requisitado, vários professores se acham superiores, e se eles acham isso, mal imagine o diretor. Mas comecei a me adaptar, a vida de acordar cedo, não chegar a atrasada, dar uma boa aula... e agora com amigos novos. A cada dia fui entendo mais sobre os garotos, e conheci os amigos deles, Liam e Harry, Liam é um cara super responsável, é bombeiro, fica pouco em casa, e o que fica acaba descansando ou conversando com os rapazes. Harry trabalha em um bar, tocando música, mas é um emprego fixo, e as vezes, toca em lugares maiores. 
Cada vez vou gostando mais deles, Niall é muito engraçado, então as vezes, quando chego mal humorada no colégio, ele já me anima. Louis não é diferente, além de ser engraçado, comecei a jogar futebol, e até que me dou bem, a única diferença é que fazemos isso escondido, então se torna nosso segredo. Zayn é de tudo um pouco, mas sempre misterioso, as vezes é engraçado, as vezes intelectual, e descobri que ele desenha super bem, e eu também gosto de desenhar nas horas vagas. Por sua sala ser do lado da minha, acabamos sempre conversando, e indo pra sala de professores juntos. 
Hoje é sexta feira, estava ainda na sala de aula, terminando de explicar sobre Hitler, do meu jeito, que por algo incrível, fizeram todos prestarem atenção. Enquanto explicava, olhei para o lado, vendo Zayn, pelo parte transparente na porta. Sorri e voltei a explicar. 

- Bem, pessoal, tentei resumir, mas acabou durando quase  a aula inteira - ri - agora a parte super chata, quero uma redação sobre Hitler 
- aah - todos fizeram uma cara de tédio 
- mas pode ser o quanto vocês quiserem, só digam o que entenderam - o sinal tocou - vale nota 

Enquanto alguns passavam por mim e diziam tchau, outros abriam a porta,e  diziam oi para Zayn. Quando todos saíram, Zayn entrou na sala. Me sentei na mesa mesmo e o encarei. 

- O que devo a honra do senhor Malik na minha sala? - eu disse irônica 
- ele riu - sexta feira, a última aula, tá afim de sair?
- cansada - fiz uma careta 
- ah - ele disse fazendo uma carinha de desapontado 
- ri - okay, vamos na meu apartamento então, tem algumas cervejas, bebemos enquanto falamos besteiras, não me esforço e você não fica triste 
- ah, você é a melhor amiga que um cara poderia querer - ele disse rindo 

Eu acabei rindo também, coloquei minhas coisas na minha bolsa, e fomos até o estacionamento, onde nos direcionamos até seu carro. Ele destravou as portas, e logo abri a do lado do passageiro, entrando e me sentando. Zayn fez o mesmo do lado do motorista, e logo deu partida. O legal, é que dificilmente eu pegava o ônibus ou táxi, porque na maioria das vezes Zayn ou Louis me davam uma carona, no começo eu recusava, mas depois de tanto insistirem, comecei a aceitar e achar algo normal. 
Depois de vinte minutos, chegamos ao meu apartamento, ele estacionou o carro, e logo entramos, e pegamos o elevador, até o terceiro andar. 

- Finalmente final de semana - ele disse puxando assunto 
- tá cansado, Malik? - eu ri 
- muito dois dias dormindo, esse é meu sonho - ele riu 

A porta do elevador se abriu, assim saímos do mesmo,e  fui até a porta do meu apart. 27, abri a mesma e entramos. 

- Sinta-se em casa, e pode reparar na bagunça porque isso tá uma zona 
- ele entrou - a sala não está 
- ah, mas a cozinha está - fechei a porta - simplesmente com uma montanha de louça pra lavar e bem... 
- nem tenta! Não vou lavar sua louça 
- revirei os olhos - okay, tentativa falha 
- riu - vim aqui para beber cervejas 
- vai lá pegar, na geladeira, vou me trocar. 

Ele se direcionou a cozinha, enquanto eu fui ao meu quarto, tirei a roupa ficando apenas com a lingerie preta, e procurei uma camiseta larga do Iron Man, e um shorts jeans. Fiquei apenas de meias e voltei pra sala, onde Zayn colocava as cervejas na mesa de centro. Me joguei no sofá, e peguei uma das garrafas de cerveja, com dificuldade consegui abrir, enquanto Zayn abriu facilmente, me olhando de forma debochada. 

- Fraca - ele se sentou no sofá
- se enxerga, Malik 
- me enxergo, e sou mais forte 
- e daí? - tomei a cerveja - não posso fazer nada - mostrei a língua 
- está passando o que de bom? - ele perguntou 
- peguei o controle e comecei a passar os canais - novela, novela, filme de romance?
- não me faça vomitar - ele disse 
- ri - filme de terror, mas esse é um saco, hum... jogo? 
- basquete? 
- achei 
- okay então 

Assistimos o jogo inteiro, conversando, xingando e rindo. Logo quando o jogo acabou, depois de alguns minutos, o celular de Zayn fez um toque de mensagem, ele olhou para a tela do celular, e mudou rapidamente a feição, para uma cara séria, estranhei, e antes que eu perguntasse algo, ele se levantou, olhando pela janela. 

- merda
- o que foi? 
- nada, vou lá embaixo, já volto
- mas...
- já volto, fica aí - ele disse sério 

Antes que eu rebatesse, ele encostou a porta, olhei pela janela, e depois de um minuto, Zayn estava lá, dois homens, saíram do carro e se aproximaram dele, mas Zayn não parecia assustado, se aproximou de forma rude, e começou a conversar, mas eu não podia escutar, até notar eles aumentarem o tom de voz, mas mesmo assim, não entendia o que eles falavam. Fui até o quarto, coloquei uma regata, e tênis all star, corri até o elevador, apertando várias vezes o botão, já sem paciência. Logo ele chegou, entrei no mesmo, apertei o 0, e esperei até chegar, quando as portas se abriram eu saí rápido, e ao sair do prédio, vi Zayn ainda discutindo. 

- VOCÊS ME DEVEM O DINHEIRO! - Zayn gritou extremamente nervoso
- A GENTE?! POIS AGORA AS COISAS MUDARAM MALIK, TUDO AQUILO É NOSSO - o homem mais alto de cabelos castanhos disse 
- NÃO IMPORTA, AQUELE DINHEIRO É MEU, E VOCÊS JÁ SABEM DO QUE EU SOU CAPAZ
- Bem... - o de cabelos loiros sorriu e me olhou - nós também somos capazes de várias coisas - ele disse já em tom normal - sua namoradinha, Malik? Não sabia que ainda tinha sentimentos 

Zayn se virou me olhando, mas agora estava irreconhecível, com algumas veias pulsando, e a expressão totalmente séria. 

- eu disse pra você ficar lá dentro! 
- você está brigando com dois caras na frente do meu prédio! Queria que eu ficasse parada?! 
- então Malik, cuidado, há muitas pessoas que você gosta a sua volta, sabemos quem são, você pode não ligar pra sua vida, mas sabemos que ligam pra eles - disse o de cabelo castanho com um sorriso sarcástico no rosto

Assim os dois homens saíram, em nenhum momento Zayn se virou para olhá-los novamente, então eles simplesmente entraram no carro e foram embora. 

- Zayn, o que... 

Não pude terminar minha pergunta, ele apenas veio até mim e me abraçou. Ele estava nervoso, com a respiração descompensada, me abraçava forte, de forma que eu não pudesse continuar falando, fechei meus olhos,e  deixei que ele me abraçasse, depois de um tempo ele saiu do abraço e me encarou. Acariciou meus cabelos e continuou sem dizer nada.

- Zayn... que merda foi essa? Quem são esses caras?! - eu perguntei já ficando nervosa 
- são... uns caras 
- Zayn Malik - suspirei - é melhor você contar a verdade, antes que eu ligue pra polícia - eu disse séria 
- vamos subir... precisamos conversar... 

Olhei em seus olhos, e nesse momento me sentia tão confusa. Mas assenti, e fomos até o elevador. Até chegar no apartamento ficamos em silêncio total, quando chegamos, eu havia deixado a porta encostada. Entrei em casa, ele logo atrás, então ele fechou a porta e a trancou. 

- Pode falar - o encarei - apesar que acho que não vai me convencer muito fácil

Zayn P.O.V.

Era um sentimento estranho que eu tinha agora. Sempre pensei que minha única preocupação seriam que machucassem Niall, Harry, Louis e Liam... mas agora ela... por incrível que pareça ela é uma grande preocupação. 
Aqueles olhos extremamente azuis me olhavam com intensidade, me deixando por um momento sem palavras, como eu de fato poderia escolher como falar o que eu sou? 

- bem... eu... 
- gaguejar não vai ajudar - ela me cortou 

Nunca a vi tão séria, acho que ela já estava criando hipóteses do que eu posso ser. Eu sentia raiva por ter que me explicar com alguém, eu deveria simplesmente ir embora, mudar de identidade novamente, só que... eu estava explodindo, preciso contar pra alguém. 

- eu não sou exatamente um professor. 
- isso já deu pra desconfiar 
- dá pra você parar de me cortar e me deixar explicar?! 
- não aumenta o tom de voz comigo. Você sabe quem é o errado aqui 
- não sou obrigado a me explicar 
- Zayn, pelo amor, facilita as coisas, eu estou assustada mas... - suspirou - preciso da verdade 
- meu nome é Zayn Malik, tenho 21 anos, nunca fiz uma faculdade, apenas fui aprendendo com o tempo... na realidade sou um criminoso, procurado nos Estados Unidos, então decidi voltar para Inglaterra, e fiquei em Londres 
- okay... ótimo ... - ela disse parecendo engolir tudo - eu vou ligar pra polícia - disse indo até o telefone 

Corri até ela, parando em sua frente, a segurei, mesmo ela tentando a todo custo se soltar, então tive que a colocar contra a parede, a segurando a impedindo de se mexer. 

- ME SOLTA!
- shh! Não grita 
- VOCÊ É UM CRIMINOSO! EU DEVERIA COMEÇAR A GRITAR SOCORRO! 

Coloquei a mão na sua boca, ela era forte, mas (por muita sorte) eu sou mais, coloquei meu corpo contra o seu, a prendendo de fato contra a parede, e mantive tampando sua boca com a mão. Estava a centimetros do seu rosto, olhava seu olhos, e ela parecia assustada, pela primeira vez a vi assustada, e pela primeira vez, não queria que alguém tivesse medo de mim. Destampei sua boca, mas não me movi. 

- Por que você mentiu? - ela disse baixo - você é perigoso ... como ... como 
- eu não sou perigoso, okay eu sou mas... não vou te machucar
- como posso ter certeza? 

Senti vontade de beijá-la, admito, mas acho que é apenas o fato de que ela é uma garota atraente, nada demais, então me afastei, passei a mão pelos cabelos, me sentei no sofá e olhei para o chão. 

- Eles vão me matar? - ela perguntou 
- a encarei - não... 
- só estavam blefando então? 
- não... só porque eu não vou deixar 
- você ainda vai continuar como professor? 
- vou... vai continuar tudo normal... só vou dar um jeito em tudo, não sei como, mas vou 
- suspirou - Louis e Niall, o pessoal ... sabem disso?
- não... só você 
- você precisa contar pra eles - se aproximou 
- como?! Quer que eu chegue nos meus amigos e diga "ah, nos conhecemos a mais de um ano, mas esqueci de te contar, sou um criminoso, valeu"
- Zayn, você me entendeu 
- suspirei - eu não sei
- você... é tão inteligente por que é isso? 
- você não consegue dinheiro o suficiente como professor 
- mas é honesto 
- e daí? Honesto, mas não me dá tudo o que eu quero - a encarei - não vou discutir por isso 
- o que vai fazer? 
- vou ficar aqui hoje 
- quem deixou? 
- quero me certificar que você não vai ligar pra polícia 
- eu não vou 
- não posso ter certeza 
- como você pode ser tão diferente, seu... duas caras, mentiroso, ah que ódio de você. 
- nossa, acho que esses foram os melhores xingamentos que eu recebi 
- SEU MERDA! IDIOTA! VAI EMBORA! - gritou 
- não vou embora! 
- ah que droga - suspirou - por que eu fui falar com você? por que fui virar sua amiga? por que eu gosto tanto de você? - colocou a mão na boca 
- hum? Repete isso 
- suspirou - você era... é ... sei lá, o melhor amigo que eu á tive - me encarou - mas como sempre, tem alguma coisa pra estragar 

Acabei sorrindo, nunca escutei isso de alguém, costumo escutar " você é a pior coisa na minha vida!" "eu te odeio" ou o mais clássico "vou te matar"... mas não algo desse tipo "você é o melhor amigo que eu já tive"... como ela consegue? Sou insuportável e sei bem disso. 

- Você é louca - ri 
- não dá risada... tenho que continuar brava com você - sorriu 
- porém... você está sorrindo 
- não consigo acreditar que você é... isso... 
- tem algum problema com a palavra "criminoso"? 
- tenho, não consigo acreditar que você seja um 
- então continua pensando que sou um professor mais ou menos de inglês 
- adoraria... mas não dá - me encarou com um olhar triste - eu vou tomar banho e depois dormir - suspirou 

Ela saiu e foi ao quarto, depois ao banheiro. Escutei o barulho do chuveiro sendo ligado. Fui até seu quarto, me chame de folgado, mas tirei meus tênis, os colocando em um canto qualquer. Seu celular estava encima da cama, desbloqueei a tela e olhei suas mensagens,  uma garota, até chegar no Louis. 

- Vai jogar futebol? - Lou x
- claro :) Ang x
- okay te vejo, beijo Lou x 
- beijo <3 Ang x

Bloqueei a tela novamente, não estava gostando daquilo. Suspirei e olhei pela janela, já notando o anoitecer... ela chegou no quarto colocando a blusa, e se assustou ao me ver. 

- calma ... - ri 
- suspirou - estou meio assustada - sentou-se na cama meio afastada de mim 
- está com medo de mim? - perguntei e a encarei
- não - ela respondeu - porque... ainda tenho esperanças que você é bem melhor que um criminoso qualquer 
- uau, alguém ainda tem esperanças em mim - desviei o olhar e ri sem humor 
- bem temos a noite toda, você poderia me contar sobre você 
- por que quer saber sobre mim? - perguntei enquanto coçava minha barba mal feita
- por que você é tão desconfiado? 
- perguntei primeiro 
- porque sou curiosa, e quero saber de você 
- sou desconfiado porque tenho que ser, se não... me ferro 
- vai falar ou ficar me encarando a noite toda? 
- tudo bem - me aproximei e fiquei do seu lado - quer que eu fale o que?
- conte tudo, desde o começo 
- virei crimin... 
- não sobre ser criminoso... de você Zayn, quero saber sobre você, desde o começo 
- suspirei - okay, nasci em Bradford, tenho mais algumas irmãs, estudei em alguns colégios diferentes, nunca dei problema na verdade sempre fui calmo, tirava notas boas, gostava de desenhar - dei de ombros - quando eu completei 17 anos, não conseguia arrumar um emprego, porque não me concentrava muito e não arrumava nada que eu gostasse, fora que um adolescente muçulmano não tinha muita sorte nos EUA, ah, eu me mudei quando tinha 16, com uma grana que eu arrumei em um trabalhos mais ou menos que eu arrumava, aluguei um apartamento etc... voltando para história do emprego, eu trabalhava como carregador, então um homem me ofereceu um emprego de carregador, em que eu receberia o triplo, e bem... eu não carregaria exatamente caixas, seria drogas, ai eu comecei, fui subindo os degraus, comecei a traficar, com 19 eu tinha meu "próprio negócio" - fiz aspas com os dedos - então até hoje meu movimento é ótimo e estou aqui 
- bem... grande história, mas não acho que você queira ser exatamente isso 
- a encarei - a vida é feita de escolhas, eu fiz a minha, não vou mudar e lamento em te dizer que mesmo sem querer, você já esta dentro disso. 


continua...



----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 OI AMORES DA MINHA VIDA! 
MAIS UM CAPITULO DESSE MINI IMAGINE. Espero que tenham gostado, próximo capitulo com hot daora :v heuahaeu sou meio, um pouco, ta muito tarada por hots com zayn malik por que esse é homem é argh! GOSTOSO DEMAIS haha, eu sei que é clichê zayn bad boy, mas eu adoro (eu me amarro, solta o batidão, parei)  espero que tenham gostado meus amores <3 
agora q acabou a copa (espero pelo menos terceiro lugar), vamos voltar com nosso projeto ------>
beijo da mi :*

19 comentários:

  1. Aaaaaahhhhhhh!!! O_o que imagine em!!!!??? Cara ta D++++++++++ !!!!
    CONTINUAAAAAA!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *u* obg amor <3 vou continuar hj (ultimo capitulo)

      Excluir
  2. "lamento em te dizer que mesmo sem querer, você já esta dentro disso" wowww! Sim cara o Zayn é muito gostoso hahah ameii a segunda parte e vc postou tão rápido ♡♡♡ eu fiquei devastada com a derrota do Brasil mas fiquei pior com a entrevista do David! Nossa que homem ♡ bjsss
    Isa xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. zayn vem ni mim (ehauehau) vou postar o ultimo hj
      david e julio quebraram todo meu emocional nessa derrota

      Excluir
  3. Amei " a vida é feita de escolhas, eu fiz a minha, não vou mudar e lamento em te dizer que mesmo sem querer, você já esta dentro disso. "
    Posta rapido flor to anciosa...
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Ooooh continua logo,esse Zayn me mata,só com um simples olhar,que homem meu Deus kkk parei, baby você escreve muito bem.
    Rayla Britoxx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zayn é tudo afemaria heuaheua muito obg, mesmo adoro esse elogio haha :v

      Excluir
  5. Definitivamente amandooo! Poderia virar uma fic.... Continua logoo

    ResponderExcluir
  6. Cara que massa! continua *---*

    ResponderExcluir
  7. Ahhhh man ta PERFEITO simplesmente perfeito .... Meu deus q homem eh esse .. Sera q zain vai mudar pela Julia? (Euoo kk) mdsss


    Continuaaaaaa ❤❤❤❤❤. XX

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. spoiler: talvez heuaha vou postar já já o último

      Excluir
  8. Ahhhh continuaa!!!! Que perfeito, muito legal! Ameeiii...

    ResponderExcluir
  9. wendy styles malik horan payne tomlinson9 de dezembro de 2014 12:44

    AMOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII]

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*