16 de janeiro de 2015

MINI IMAGINE - Girl Almighty

MINI IMAGINE COM HARRY STYLES - PARTE 1 



HARRY STYLES P.O.V.


- saí do caminho estrupício

E meus livros foram ao chão novamente, já me acostumei.
Mesmo assim vivo me perguntando "por que populares são tão cruéis?". Peguei minhas coisas do chão, ajeitei meus óculos e fui até a aula de filosofia, uma das minhas matérias preferidas.
Bem, eu sou Harry Styles, estou no terceiro ano do ensino médio, sempre fui diferente de todos, e não tente parecer minha mãe dizendo que isso é bom, porque é péssimo. Sempre fui zoado pelo meu jeito, mas, com o passar dos anos, apenas aprendo a fingir que não me importo, mas no fundo eu me importo.
Me sentei na cadeira ao lado do meu amigo, Liam, é por incrível que pareça eu tenho amigos, e são quatro, mas não ando sempre com eles, me sinto meio... diferente, e acabo sendo excluído por mais que eles sempre tentem me convencer que não.

- e aí, Harry?
- Oi...
- ei... olha aquela garota entrando

Sabe aquelas cenas de filme clichê que a garota com um vestido adorável entra na sala, e sorri exclusivamente pra você? claro que não aconteceu.
Mas eu tenho que admitir, ela é linda, usava uma calça jeans azul escura justa, uma blusa de manga comprida, e um all star, por mais de estar vestida simples ela é linda, e não chega a ser largada, é apenas simples. Parei de babar, porque provavelmente estava parecendo um grande idiota.

- aluna nova - a professora disse - bem vinda, qual seu nome?
- meu nome Seu Nome Becker - sorriu

Parecia ser bem simpática, ficava com um sorriso estampado no rosto.

- Harry quer um guardanapo? - Liam disse e riu
- vai se ferrar - desviei o olhar dela

Olhei para os meus livros encima da mesa, até notar ela caminhar até onde eu estava e sentar bem na minha frente. Abaixei a cabeça novamente.
Harry para de ser iludido, uma garota dessa vai ter nojo de você, como todas as outras - pensei comigo mesmo.
Então, pra me deixar mais iludido, ela se virou, lentamente olhei pra ela, até chegar em seus olhos, e ela... simplesmente sorriu.

- Oi, sou Seu nome - estendeu a mão
- hum... eu... eu sou Harry - apertei sua mão
- não quero te atrapalhar parecia focado
- não... não atrapalha nada - tentei responder normalmente (obviamente não deu certo)
- então... sou nova, óbvio né - ironizou com ela mesma - pode me emprestar seu caderno? preciso dar uma olhada na matéria
- ah, sim... sim, claro, no final da aula eu te empresto
- tudo bem, obrigada - piscou

Ela voltou a se virar e logo eu senti o olhar de Liam sob mim, olhei pra ela, que me lançou um sorriso malicioso, fiz um sinal negativo com a cabeça e voltei atenção para aula.

(...)

A aula acabou me levantei, e ela me encarou, fiquei confuso, até que lembrei que ela queria meu caderno emprestado.

- ah sim... o caderno - a entreguei - está aqui
- sorriu - obrigada, nos vemos por aí - disse saindo

Ela saiu da sala, e logo senti a mão de Liam em meu ombro.

- finalmente em - ele disse
- o que? só emprestei um caderno
- é assim que começa - riu

Revirei os olhos, e saí da sala, afinal tinha mais aulas pela frente.
Ela é uma garota bem bonita e atraente, e é claro que alguém feito meu amigo Niall Horan, iria ser um dos primeiros a dar encima dela, mal saí ele já estava encostado ao lado dela no armário, provavelmente contando algo engraçado que estava a fazendo rir, por que não consigo ser assim?
Fui até meu armário, peguei meu livros e fui para a próxima aula.

(...)

Depois de um longo dia, finalmente foi a hora da saída. Guardei algumas coisas no armário e coloquei na mochila o que eu precisava, então fui andando para fora do colégio, é bem ruim passar pelo estacionamento, porque tem vários populares com seus lindos carros, e eu tenho que ir andando pra casa.
Olhei para o lado, e vi a Seu nome, junto com o John, o cara que me odeia por um motivo: eu sou nerd, até hoje não entendo isso.

- tá olhando o que, moleque? - perguntou
- nada
- não liga pra ele, só um idiota

E como eu esperava, ela apenas assentiu, e voltou a falar com ele.
Parabéns, Harry, se iludiu pensando que uma garota dessas iria te ver de forma diferente. - pensei.
Então fui até minha casa, depois de 15 minutos andado finalmente cheguei, e na casa da frente adivinhem quem? Ela. Não duvido muito que tenha chegado rápido porque recebeu uma carona daquele idiota.
Ao me ver ela sorriu, eu sou iludido, mas não tanto, apenas me virei e fui até a porta de casa.

- Harry - ela me chamou

Me virei e a encarei, que atravessava a rua pra vir até mim.

- Oi - sorriu
- Oi... - respondi - tenho que entrar
- tem mesmo? - perguntou
- olha... - suspirei - eu não quero ser seu nerd reserva okay?
- nerd reserva? - riu
- é, aquele idiota que você conversa pra pegar matéria, mas quando um popular chega você pisa nele
- foi sem querer, eu nunca faria isso com ninguém
- duvido muito, com licença
- Harry...

Entrei em casa e tranquei a porta.

- Oi meu amor, com fome? - minha mãe perguntou
- Não mãe, vou pro meu quarto - beijei seu rosto
- tudo bem - Ela sorriu

SEU NOME P.O.V.

Ah que merda, mal cheguei na cidade e alguém já me odeia.
Foi realmente um mal entendido, da onde ele tira que todo mundo precisa odiá-lo?
Entrei em casa, e meu pai estava sentado na cadeira de frente para a mesa de jantar em seu notebook, digitando algo.

- Oi pai
- oi querida - me encarou e sorriu - como foi o primeiro dia de aula?
- até que foi legal
- algum problema? - perguntou e fechou o notebook
- é que - me sentei - eu conheci um garoto, meio nerd, acho que o pessoal não vai muito com a cara dele, estava falando com um garoto que zoou ele, e agora me encontrei com ele, mora na casa de frente, acho que ele entendeu tudo errado
- filha, quando você ver alguém zoando outra pessoa que não merece, tem que falar que acha isso errado, se não, parece que concorda
- eu sei, é que na hora não tinha muito o que falar
- justamente com o que mora na frente?
- por que?
- a mãe dela é Anne que eu te falei

Meus pais são separados, sempre morei com minha mãe, mas esse último ano decidi vir até meu pai e passar um tempo com ele.
Anne parece que é a "namorada" dele, mas parece que ele gosta dela de verdade.

- ah - fiz uma careta - bem... ele não pode me odiar por uma besteira dessa
- realmente
- vou subir pai - eu disse subindo as escadas
- okay, se quiser comer, fiz comida
- tudo bem

Entrei no quarto, e me deitei na cama. Acho que já estou com saudades dos meus amigos, e da minha mãe. Porém agora, é bom mudar um pouco.

DIA SEGUINTE

Acordei com o despertador, como eu odeio despertador, como eu odeio acordar cedo!
Tomei um banho rápido, abri minha janela, até que estava um sol fraco, coloquei uma regata e calça jeans, procurei uma meia, coloquei, e depois o tênis.
Peguei minha mochila e desci as escadas.

- bom dia, pai - me sentei
- bom dia, Seu nome...
- tomei suco - vai sair hoje?
- reunião, infelizmente - revirou os olhos - não sei que horas eu volto, então não se preocupe
- tudo bem - peguei uma maçã - boa sorte no trabalho - me levantei
- boa sorte na escola

Joguei um beijo pra ele, peguei minha mochila e saí de casa.
Andei um pouco, ouvi alguns passos não muito longe de mim, olhei para trás, Harry.

- Oi Harry
- Oi...
- qual é, para com essa ignorância comigo, foi um mal entendido juro
- por que se importa? - me encarou
- eu acabei de chegar na cidade, não quero ninguém com raiva de mim
- não tenho raiva de você... mas tenho certeza que foi seu pai que mandou você vir falar comigo - saiu andando
- não quer falar comigo? Ótimo! só estava tentando ser legal

Saí andando sem olhar pra trás e fui até a escola, porque tenho mais no que focar.
Depois de um tempo, cheguei a escola. Fui até meu armário, e do meu lado, era Niall, conheci ele ontem parece bem legal.

- Oi Niall
- Oi, Seu nome - sorriu - tudo bem?
- sim - fechei o armário - e você?
- também, qual sua primeira aula?
- Física - revirei os olhos
- então estamos juntos, vamos - disse andando
- que bom que estamos na mesma, porque não tenho ideia onde fica as salas
- sempre é assim no começo, depois você vai ver, vai se acostumar
- Niall... você é amigo do Harry?
- sou, por quê?
- sabe, teve um mal entendido, agora ele acha que sou uma dessas garotas que quer usar ele e depois humilhar, entende?
- super entendo, ele sempre tira conclusões precipitadas, te ajudaria mas ele é a pessoa mais difícil do mundo de mudar ideia
- eu noite
- não fica desapontada - colocou a mão no ombro - o tempo passa e ele relaxa - piscou - agora vamos pra essa aula insuportável.

(...)

Depois de um longo tempo, finalmente as aulas acabaram, fui até meu armário pegar minhas coisas, quando estava perto da saída, o tal de John derrubou as coisas do Harry, e começou a xingá-lo, fico me perguntado como eu deixei um cara desse simplesmente falar comigo?
Me aproximei deles.

- ah, gata, e aí? - John se aproximou
- sai fora - peguei os cadernos do Harry do chão
- qual é? vai dar atenção pra esse nerd
- olha aqui seu filhinho de papai, você deveria ter vergonha de fazer isso, porque esse tal nerd daqui alguns anos vai ter um ótimo emprego, talvez até uma empresa própria, e quando você for empregado dele, vai ter o que merece
- eu nunca vou ser empregado dele, e você garota, deveria se colocar no seu lugar
- estou no meu lugar, mas é melhor falar direito comigo, porque ouvi falar que meu soco é bem forte
- foi uma ameaça? - se aproximou
- encare como quiser - ironizei - toma - entreguei os livros ao Harry
- ei, ei, vamos parar com isso - Niall entrou no meio - já está na hora da saída, vamos embora

Niall nos puxou para fora do colégio.

- não pode arrumar encrenca no seu segundo dia de aula - Niall disse
- ah - suspirei - esquece isso, vou embora - beijei seu rosto - tchau

Saí andando, mas foram poucos passos pra escutar a voz rouca do Harry me chamar, me virei e o encarei.

- hum... - se aproximou - foi mal... eu acho que pensei em você da forma errada
- uau, quase tive que sair nos tapas com o popular do colégio pra você entender, valeu mesmo - eu disse sarcástica
- foi mal, é que não estou acostumado com as pessoas querendo ser legais comigo
- pois é, mas ainda existem pessoas legais no mundo - continuei andando
- tenho minhas desconfianças - veio andando do meu lado - eu pensei que seu pai tinha mandado, você sabe que ele e minha mãe...
- eu sei, não precisa falar - ri


1 MÊS DEPOIS 

Nesse mês tenho arrumado mais amigos do que esperava, além de Harry e Niall, também Liam, Zayn e Louis, e uma garota claro, Mendy, e virei um pouco amiga da Gemma, irmã do Harry, porém ela está na faculdade, só aparece nos fins de semana.
Pra minha sorte, hoje é sexta, estava cansada da escola já, e eu mal cheguei.
Depois de chegar da escola, fui para o meu quarto, joguei minha mala na cama e fui tomar um banho, depois coloquei uma calça e uma regata, desci as escadas e encontrei meu pai junto com Anne no sofá assistindo algum filme meloso.

- eca gente, esse filme é muito chato
- seu pai que indicou - Anne disse e riu
- nossa, pai - ri
- Harry está em casa sozinho, se quiser ir fazer companhia pra ele - meu pai disse
- já entendi o recado - eu disse saindo

Saí de casa, atravessei a rua e toquei a campainha da casa, não demorou para que ele abrisse a porta.

- Oi, Seu nome - sorriu
- Oi, Harry - eu disse entrando - ué, meu pai disse que você estava sozinho - olhei para os garotos sentados no sofá
- eu acho que ele só queria se livrar de você - Harry comentou
- tem razão - ri - e aí, meninos
- Oi - responderam
- ótimo que a Seu nome chegou, pode nos ajudar no que estávamos falando - Niall disse - senta aqui
- me sentei do seu lado - e do que vocês falavam? - perguntei
- eles querem que eu "mude o visual" - fez aspas com os dedos - e eu estou me recusando
- e nada melhor do que uma garota pra convencer um cara a mudar o visual - Louis falou
- olhei para Harry - o que você está achando disso?
- eu não sei - deu de ombros - mas eu gosto de como eu sou, por mais estranho que seja - ajeitou os óculos

Me aproximei dele que estava sentado no chão, e me sentei de frente pra ele, Harry me encarou confuso, provavelmente se perguntando o que eu estava olhando.

- ah, você é bonito Harry, tanto por dentro quanto por fora, só que por fora você está escondendo - ri
- ainda me perguntam porque eu adoro ela - Niall disse
- só está querendo me convencer -  Harry disse desconfiado
- não mesmo - tirei seus óculos - seus olhos são lindos, sabia?
- tem razão, não quer me convencer, e sim me deixar constrangido - disse ficando corado
- awn - Zayn e Liam fizeram debochados
- e esse cabelo, não precisa de gel - eu disse bagunçando um pouco, sua calça não precisa ficar encima da calça, é simples Harry
- por que vocês querem fazer isso? - ele perguntou
- porque queremos um nerd pegador pro último ano do colegial - Zayn disse - preciso de competição - se gabou

Harry jogou uma almofada nele.

- então fechou - Liam concluiu
- como assim? - Harry perguntou
- domingo você e a Seu nome, vão ao shopping e fazem compras, olha que perfeito
- pegou os óculos e colocou - não sei não
- Harold, não te demos opção - Louis disse
- revirou os olhos - vocês são persistentes
- o bastante pra te convencer - Niall sorriu

(...) 

Os meninos foram embora, mas eu continuei na casa do Harry.

- sabe eu não acho que seja uma boa ideia, não quero mudar quem eu sou - Harry disse por fim
- o encarei - você que sabe, Harry, eu e os meninos vamos continuar aqui
- e por que concordou?
- porque eu acho que você é muito bonito, e pode ficar mais ainda se mudar esse seu estilo de sempre
- muito bonito? - me encarou confuso - por acaso você tem um fetiche por nerds?
- ri - não, pelo menos eu acho - ele riu - eu já usei óculos, e também tinha um aparelho que era meio pra fora móvel, era cheia de espinhas, mas eu quis mudar, aparência não é importante, mas você tem que estar feliz com ela, por acaso você está feliz com a sua? - perguntei
- suspirou - acho que não
- então confia em mim - sorri

Harry deu um pequeno sorriso, que deixou suas covinhas a mostra, era simplesmente adorável, ele é simplesmente adorável, principalmente quando estamos sozinhos e... o que eu estou pensando? por favor, cérebro e coração não trabalhem juntos.

- vou confiar em você, mas se eu não gostar, vou pegar minhas coisas de volta e ser apenas eu
- mudando ou não, você vai continuar sendo apenas você - pisquei

Ficamos um tempo em silêncio, até que Harry voltou a me olhar nos olhos.

- você se importaria se eu te beijasse?

Acabei rindo baixo, e sorrindo, ao mesmo tempo, queria falar "claro que não! faça isso agora", mas tenho que me controlar.

- não me importaria nem um pouco

Ele segurou em meu queixo, aproximou seu rosto do meu e me beijou, ele tinha um beijo calma e cuidadoso, mas não deixava de ser bom, na verdade é perfeito, coloquei minhas mãos em sua nuca, e me aproximei mais dele, nos aprofundamos no beijo até ficar mais intenso, então quando o ar se fez necessário, rompemos o beijo.

- me desculpa, agora você deve me achar um idiota - se levantou
- ri - eu disse que eu não me importaria, Harry - me levantei - não tem problemas
- é que... eu meio que gosto de você, mas você é bonita demais pra mim
- nem sonhe isso
- você deve ter me beijado por pena, admita
- não, e vou te provar isso

O puxei pra perto e o beijei, ele agarrou minha cintura colando nossos corpos.

- provado? - sorri
- acho que vai ter que provar mais vezes - riu

Continua...

CONTINUO COM 8 COMENTÁRIOS  

---------------------------------------------------------------------------------------------------
oi oi!! 
espero que tenham gostado do mini imagine, postei porque não tenho previsão pra quando continuar Flawless, ou até mesmo esse, mas vou tentar continuar tudo rápido gente, beijos - mi 

22 comentários:

  1. CONTINUAAAAAAAAAAAAAAAA LOGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  2. Que perfeito !!!!Continua ♥♡♥♡♥♥

    ResponderExcluir
  3. Continua, esta perfeito!!

    ResponderExcluir
  4. Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa Por favooooooooooooor!

    ResponderExcluir
  5. Own que fofo, continua! Ameiii!
    Duda

    ResponderExcluir
  6. Continuaaaa, ta Per-Fect ♥♥

    ResponderExcluir
  7. Ameeeeeeei! ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
    CONTINUAAAAAAA

    ResponderExcluir
  8. OMG Vc tem que continuar logo . Perfeito !!!
    Bj Laura <3

    ResponderExcluir
  9. Awnnn eu amo imagines assim é bom sonhar né!!

    ResponderExcluir
  10. Vc podia fazer pra ele virar fic eu ia amar XxLetticiaxX

    ResponderExcluir
  11. Pelo amor de deus Isso está PER-FECT CONTINUAAAA

    ResponderExcluir
  12. Continuaa.. Ta mto bm :3

    ResponderExcluir
  13. Ameiiii! Vc quer evitar minha morte? Se sim continua logo! Please

    ResponderExcluir
  14. Perfeito!!!! Por favor continua logo, cara o melhor imagine até agora

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*