13 de fevereiro de 2015

♠ Rocket Love- Capítulo 23: Minha história...

~Liam ON~ 


Zayn gosta de Angel, posso perceber isso no ar a cada vez que ele está no mesmo ambiente que ela. Grande idiota! Eu quero esfregar na cara desse idiota que eu sou o cara que ela ama. Sei que posso fazer isso e um jeito. Fazendo com que ela escolha entre eu e ele. A resposta já é praticamente óbvia.
Marcamos de nos encontrar depois do jantar, por bilhetinho. Nunca pensei que me comunicaria assim com ninguém, muito menos com ela. A senhora dos meus pesadelos.

- Você por acaso é retardado! - ela já me empurra assim que me vê colado a uma árvore a espera dela

- Por que se envolveu em confusão com os Malik? - ela pergunta, parece furiosa.

Eu é quem devia estar furioso. E estou. Mas claro que não posso deixar transparecer. Respiro pesadamente, conto até dez e começo meu teatro.

- Eles começaram. - Isso não era mentira, realmente - Tive que me defender... - Falei me vitimizando um pouco.

- Você quebrou o nariz do Zayn...- Isso é uma notícia boa, sorrio de canto, é incontrolável-  E olha seu lábio - ela então se aproximou de mim, com os olhos fixos nos meus lábios, passou o polegar pelo corte, doeu um pouco. Mas por algum motivo eu não quis que ela deixasse de me tocar.

O que eu senti quando sua boca se aproximou da minha e deixou um pequeno selinho ali na região machucada, foi ... Foi somente indescritível. Eu tentava pensar diabolicamente nos meus planos durante todo o dia. Mas quando eu estava com ela, tudo era bloqueado.

Eu a puxo para um abraço, nos encostamos na árvore. Sinto seu cheiro, deixo beijos em seu pescoço. Seus olhos castanhos e vivos brilham mais que o luar da noite.

- Estou com medo. - ela somente diz e aquilo é um total choque. Ela com medo? Parece piada. Olho para seus olhos para ver se não é ironia, não, não era. - Os meninos podem ser bem cruéis quando não gostam de alguém. - Assim como você. Eu quis dizer, mas não disse. Cada coisa em seu momento certo.

- Eu sei me defender. - respondi firme.

- Liam, não está entendendo, eu não quero que nada de mal aconteça com você. E sinto que isso possa acontecer.

- Então fique ao meu lado, saia de perto dos seus amiguinhos, fique apenas comigo. - eu disse incisivo. Ela se soltou do meu abraço. Um imenso vazio me possuiu.

- Ai Liam, eu somente... - ela ia continuar. Mas então vejo o meu plano começando a ser colocado em prática - Puxo-a novamente para meus braços e a beijo docemente com um selinho.




Fico ali por alguns segundos passando as mãos nos seus cabelos até que posso ouvir a voz daquele idiota nos separando.

- O que é isso? O que diabos é isso? - Zayn falava afetado e olhava para a cara da Angel com total confusão.

Assim que olho para ela sei que está furiosa.

- O que está fazendo aqui Zayn? Ninguém te chamou aqui - ela responde grosseiramente.

- Você está ficando com esse garoto? - ele gritou- Está com algum problema mental? Olha pra ele! É um nerd qualquer! - Malik já avançava para bater em mim quando González entrou na minha frente o segurando.

Eu só consigo olhar para ele com total raiva, se ele queria brigar, eu iria brigar outra vez. Fechei meus punhos.

- Zayn, cuida da sua vida. Eu estou com Liam, eu gosto dele sim e você não tem nada a ver com isso - aquelas palavras entraram nos meus ouvidos e me abalaram profundamente. Eu estava feliz e ao mesmo tempo me sentia tão mal, tão verdadeiramente mal de ouvir aquilo, daquele jeito, em voz alta, na presença de outra pessoa.

Malik parecia transtornado, ele balançou a cabeça e olhava para o chão e passava a mão na testa.



- Angel... - ele a olhou com olhar que parecia clamar piedade - Ele é nosso inimigo, ele denunciou nosso amigo, fez ele ser preso, se está com ele... Não está com a gente. - ele falou com dor na voz.



- Não vou deixar o Liam por causa de vocês. - Mais uma vez um choque percorreu meu corpo ao ouvir aquilo.

Angel estava mesmo abdicando de seus amigos, parceiros ou o que quer que eles fossem, por mim. Exclusivamente por causa de mim. Isso era inacreditável, nunca me senti tão amado e tão sujo ao mesmo tempo. Eu estava tirando tudo dela na esperança de me ter. Sendo que tudo não passava de uma ilusão. Eu estava fingindo ser seu chão para em um futuro, deixa-la cair no abismo infinito.
Meu coração doeu. Vi Malik pressionar os lábios balançar a cabeça e olhar para ela uma última vez antes de sair. De costas ele completou ´´Você fez sua escolha.´´ E sim, percebi que ele gostava muito dela, bem mais do que eu achei.

Fui para abraçar Angel mas ela me distanciou, isso me deu uma pontada no peito.
- Vou dormir, quer dizer, eu nunca consigo dormir, então vou para meu quarto. - ela disse tristemente.

- Não! - eu respondi espontaneamente - Dorme comigo! - O que? Aquelas palavras realmente saíram de mim? Me senti um tolo.

- Como se isso fosse possível. Não estamos mais de férias, os inspetores estão por aí.

- A gente dá um jeito - a abracei de lado.

E sim nós demos um jeito, eu fiquei conversando com o inspetor, enquanto ela dava a volta e entrava pela saída de emergência. Quando entrei em meu quarto e a vi na minha cama, foi uma sensação maravilhosa.

Pulei em cima dela e comecei a dar beijos pelo seu pescoço, obviamente ela ainda estava meio mal com o que acontecera com o Zayn. Mas eu estava disposto a fazê-la esquecer disso e só pensar naquele momento. Com nós dois juntos.

Ela vestia uma calça de moletom e uma regata preta, tão simples e tão linda. Como pode? Como pode ela ser assim tão má e cruel e por fora... Aqueles olhos tão doces me encarando, ao mesmo tempo gentis e selvagens.

Nossas línguas estão envolvidas, sinto o seu gosto, sua maciez, ela é quente, nossos corpos estão grudados, estamos deitados na minha cama, eu por cima aproveitando tudo o que posso, me deliciando com aquele beijo maravilhoso.


Quando dou por mim, já estou sem camisa. A forma como ela me beija, é tão carinhosa e ao mesmo tempo sedenta por mais. Devagar tiro sua blusa. Ela me olha temerosa. Apenas dou um beijo casto em seus lábios como se dissesse que tudo ficaria bem.

Foi muito rápido, muito rápido mesmo. Quando deu por mim, seu corpo já estava praticamente nu. Eu fui dando beijinhos pelo seu colo, depois chegando em seus seios, os massageando devagar, deixando carinhos por toda aquela parte. Seu corpo todo era beijado por mim. Tão lentamente, ela apenas gemia baixo, sussurrava meu nome e isso era tão bom.

 Eu queria muito, queria mesmo, tê-la para mim, por completo, possuí-la. Mas eu somente não consegui.

Não sei o que deu em mim. Eu só parei. Não podia fazer isso. Ela ficou me olhando assustada e se cobriu quando eu me levantei da cama sentindo minha cabeça girar.

- O que foi ? - ela perguntou levemente assustada.

- Eu sei o quanto isso é difícil para você. - Sim, eu sabia que era. Quantas vezes estávamos quase chegando lá e ela parava com lágrimas nos olhos, assustada, como se lembrasse de algo.

- Liam, vem cá... Eu acho que esse é o momento de te contar o que houve comigo. - seu tom era sério e dolorosamente triste. Senti um arrepio tomar conta do meu corpo.

O que ela iria me contar?

Ela vestiu sua blusa. Eu permaneci apenas de boxer. Fiquei nervoso com o que ela iria me contar, de verdade.

- Eu confio em você Liam, como nunca confiei em ninguém. Eu sempre fui assim, desconfiada... Quer dizer, não sempre, antes eu era apenas uma garota inocente...

~ FlashBack Angel ON~ 

Eu tinha somente oito anos quando tudo começou a mudar, minha mãe trabalhava em um supermercado e morávamos eu, ela e nossa avó em uma pequena casa, mais para um casebre. Porém mesmo assim ainda gostava, cresci ali brincando nas ruas perigosas mas que para mim eram apenas conhecidas demais para que me assustasse.

Minha mãe começou a ficar estranha comigo, não me fazia mais carinhos, mal falava comigo. E eu sentia falta daqui porque nunca tive pai, aliás nem ao menos sei quem ele é, acho que ele morreu mas nem sei direito. E para falar a verdade nem quero saber.
As coisas eram difíceis, vivíamos da aposentadoria da minha avó e do pequeno emprego da minha mãe. Apesar disso me considerava uma criança feliz... Nossa, felicidade isso é tão distante de tudo que veio depois.

Passava cerca de cinco dias seguidos sem nem ver minha mãe, minha vó coitada era muito doente, sofria de pressão alta. E mesmo assim tentou ser uma mãe para mim. Acontece que minha verdadeira mãe estava se drogando, chegava alterada, gritava com sua mãe, me batia. Eu comecei a ter medo dela, medo e raiva.

Havia largado o emprego ou sido demitida, provavelmente a segunda opção, se ela não aparecia nem em casa quanto mais no emprego. As coisas já não estava bem, isso se arrastou por anos, ela vendia as coisas de casa para comprar drogas e eu passei até fome, só comia mesmo na escola. Minha vó só ficava mais doente a cada ano.

Quando eu tinha 11 anos as coisas pioraram de vez, minha avó estava acamada, eu já tinha que me virar em tudo, cuidava de mim sozinha. E então minha mãe ficou grávida... Tive pena daquela criança assim que vi sua barriga a mostra. O pai da criança era outro viciado e ele foi... morar lá em casa.
Ele não era como a minha mãe que se viciava quase toda noite, ele se mantinha sobrio por boa parte do tempo. Mas isso não fazia as coisas serem melhores ao contrário, era terrível saber que mesmo normal alguém podia ser tão cruel. No começo eram apenas beliscões, acho que ele não queria que ninguém visse isso.

Meu irmão nasceu, e não sei mesmo como ele nasceu tão perfeito, porque minha mãe bebia e se drogava durante a gravidez. Acho que ele é um milagre, o meu milagre.
Minha avó não durou muito, quando ela morreu foi como se minhas últimas esperanças se fossem com ela. Eu estava sozinha. Quando pensei que isso não pudesse piorar, piorou e muito. Aquele monstro que estava na minha casa começou a me espiar enquanto eu trocava de roupa, eu não gostava daquilo, eu era apenas uma criança. Acho que ele não entendia isso.

E então quando... ele começou a me tocar foi como se eu tivesse morrido. Não tinha mais alma no meu corpo, eu não conseguia mais dormir com medo de que ele viesse. Era nessas horas que ele vinha, quando eu estava pegando no sono. Decidi não dormir mais. Comecei a ficar agressiva, claro, minha vida era um inferno, tinha que descarregar isso em alguém. Eu não podia contar a ninguém, me sentia suja, as mãos dele eram como facadas no meu corpo jovem.

Eu queria morrer e sabia que ia ser melhor se tirasse minha própria vida. Acabaria com tudo isso não é mesmo? O que eu estava esperando? Apenas uma coisa fez com que eu não fizesse isso. Aquela pobre criança, que chorava sem fazer barulho porque já sabia que apanharia se fizesse isso. Meu irmão fez com que eu não me permitisse ser a vítima da história. Ele fez eu colocar uma armadura feita de aço e enfrentar meus problemas. Mesmo que não da melhor maneira possível.
Foram dois anos naqueles abusos constantes, sem dormir direito, sem conseguir comer, somente sentindo nojo da minha mãe, daquele monstro e de mim mesma. Acho que ela sabia o que acontecia e isso me deixa mais furiosa ainda. Como uma mãe pode deixar isso acontecer com uma filha? Ainda mais eu que era apenas uma criança.

Tudo terminou em uma madrugada qualquer, eu estava a cerca de três dias sem dormir, meu irmão tinha ficado doente e com muita febre. Sinceramente eu queria que tudo se explodisse. Eu havia roubado algo a algumas semanas. Não sabia se era como nos filmes mas decidi testar. Era prateada, dava medo só de olhar, era bem pesada, uma trinta e oito, velha mas potente.
Senti aquele cheio de álcool se aproximar de mim enquanto eu estava na cama, ouvi aquela voz dizer coisas sujas e me senti enjoada outra vez. Foi tudo muito rápido, estava escuro e só me lembro de puxar o gatilho, uma, duas, três vezes. Foram três tiros em seu estômago. Eu chorei. Não por medo, nem por nervoso, eu chorei de alegria. Sei que pode parecer sombrio mas naquele momento me senti dona do meu próprio destino.

Aquele corpo caído, minha cama e minha roupa cobertas de sangue. Limpei minhas lágrimas e acho que só chorei raras vezes depois daquilo. A polícia foi até minha casa, os vizinhos ouviram o barulho. Encontraram minha mãe drogada e meu irmão desnutrido chorando, enquanto eu fazia minhas malas para fugir. Não sei porquê, eu era uma criança, não queria ser presa. Porém eles chegaram antes. Minha mãe foi presa por abandono de incapaz e acho que por outras coisas, era uma drogada inconsequente.

Quando pensei que seria feliz, fui separada do meu irmão. Fui jogada em um orfanato, só queria saber dele. Algumas famílias tentaram me adotar mas sinceramente minhas experiências já foram terríveis, não conseguia me ver morando com estranhos. Ainda mais com novos pais, afinal não tenho boas lembranças da ´´figura paterna´´, nem materna aliás.
Foi assim que depois de várias tentativas acharam melhor eu vir para esse internato. Sobre o assassinato do meu ´´padrasto´´, eles ficaram sabendo do que acontecia e uma criança não podia mesmo ser condenada a prisão perpétua.

Agora estou aqui. E você foi a primeira pessoa que eu contei isso em toda a minha vida. Espero que saiba o quanto isso é difícil para mim.






~Flashback Angel OFF~ 








Eu estava literalmente chocado, saiam lágrimas dos meus olhos, não consegui falar nada, somente a peguei em meus braços e a abracei forte, como se com isso fosse tirar toda aquela dor que ela possuía dentro de si. Se aquela era a Angel... Então eu realmente não estava mais disposto a fazer qualquer mal a ela. Precisava acabar com aquilo.

~ Mallu ON~ 

Harry está me pedindo em namoro? O que aconteceu com o mundo. Para agora que eu quero descer. Isso é como um sonho se transformando em realidade. Só tem um problema, eu sou uma máquina de confusão ambulante.

Somente Deus sabe o quanto eu queria dizer ´´Sim´´ para aquela pergunta. Mas não podia, isso estragaria tudo. Louis saberia que eu estava saindo com Harry, com isso Harry acabaria sabendo que eu também estava ficando com Louis. Seria taxada como a amiga da onça puta e não ficaria com nenhum dos dois.

- Vamos somente continuar com isso então. - falei firme. Sem saber o que isso significava direito para mim.

- Qual seu problema? Você é louca? - ele perguntou afetado.

- Harry... eu... - Não deu muito tempo para que eu falasse qualquer coisa.

Sinto suas mãos me tirando do chão, seus lábios tocam os meus e sou transportada para alguma espécie de paraíso selvagem. Me agarro ao seu corpo, me deixando ser completamente levada por ele. Minhas mãos puxam seus cachinhos. Aquilo é tão bom.


Estava perdida na língua quente e esperta de Styles quando um choque percorre meu corpo, algo me atinge forte, é como um soco no meu estômago, me causa calafrios.

- O que diabos vocês estão fazendo? - a voz de Louis sai forte, furiosa, arrebatadora, completamente explosiva.

Naquele momento eu só conseguia ter certeza de que meu mundo havia caído. Todos meus planos ridículos se dissiparam e eu devo ser mesmo louca em pensar que essa história poderia acabar bem.
Eu ainda fiz metas estúpidas que obviamente nunca seriam cumpridas.

1- Ser feliz.

Definitivamente eu não estava feliz naquele momento.

2- Fazer meus dois amigos se apaixonarem por mim.

Nem em sonhos... Mais fácil eles me odiarem depois disso.

3- Ser notada por toda Wolverhampton.

Agora nem mesmo teria amigos para me notar.
Estava mais que ferrada.

CONTINUA...

Vou tentar postar no fim de semana, bom carnaval a todas! Comente por favor
perguntinha: VOCÊS SHIPPAM ZANGEL???

28 comentários:

  1. Perfeeito. *-*
    Angel coontou tudo pro Liam :o
    E a Malu fooi pega no flagra, eeeita Geoovanna!
    Foorninho caiiu ♡
    Ansiosa pro proxiimo .

    ResponderExcluir
  2. OmG!!! Sim Sim E Sim Zangel 4ever!!
    Zayn merece uma chance né!! tadinho dele parece que ele realmente ficou magoado, parece que essa história não vai acabar bem heim.
    E coitada da Malu tbém, o que será que vai acontecer? Queria mesmo que ela ficasse com os dois! Já pensou num hot á Três? hahaha sou muito pervertida.
    Continua Dri to realmente amando, ficou maravilhoso, muiito curiosa pro próximo capítulo, Vê se posta logo hein!
    Malikisses <3

    ResponderExcluir
  3. OMG!!!! Drica que isso jovem? Que dó da Angel, que dó da Malu! Que sofrensa! Eu apoio o casal Zangel pq o Malik é um fofo e realmente gosta dela... tomará que a Malu se saía saí bem dessa e que tem um hot entre o Liam e a Angel

    ResponderExcluir
  4. Isso está simplesmente PERFEITO!! Continua Drica sua LIndaa!! e sobre Zangel, eu sei que o Zayn gosta da Angel, e tudo mais, mas eu acho que ela e o Liam deviam ficar juntos, sla... <3 <3

    ResponderExcluir
  5. Nossa que perfeito!! eu prefiro ela com o liam, não tinha pensado em zangel ainda... + continua por favor!!!

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. OMG!!!!!!! Drica essa fanfic è PER-FECT eu realmente AMO Rockt Love ❤... Sobre Zangel eu Realmente acho Que Zayn gosta da Angel,mas EU acho Que ela combina mas com o Liam, espero Que tenha um hot entre Liam e Angel... Malu e Harry Malu e Louis, ca enetre nós eu queria ter a sorte de ter Larry só pra mim, espero Que ela se safe dessa.
    EU acho que o Liam esta se apaixonando pela Angel, e tambèm acho Que ele deve parar com essa vingança, sei Que a Angel mereçe... Mas são os sentimentos dos dois Que estão em jogo... Continue Drica,espero Que o mas rapido possivel Feliz carnaval pra vc tambèm
    Bjs Indayá

    ResponderExcluir
  8. Ain que saudades que eu tava de RL <3
    Desculpa tava sem net e é horrível comentar pelo cel;)
    Li os Três últimos capítulos e estão maravilhosos como sempre, nossa coitadinho do Zayn, acho que ele merece que a Angel seja melhor com ele tipo mais compreensiva sabe, poxa ele gosta dela e tipo ela deveria ser mais legal com ele, pq né sou Zayn girl e amo ele mas mesmo assim acho que os dois combinam, mas tipo só um pouco, por que o casal que combina mais com essa fic é Langel mesmo *-*
    E A Malu então, my gosh! nossa tô pirando aqui, o que será dela, coitada, também querer pegar os dois boy magia já é demais, capais do Harry largar a Malu e ficar com o Lou hahaha (larry)
    Continua flor amei mesmo nossa ta muito massa, to quase morrendo de curiosidade aqui *-*
    Malikisses :3

    ResponderExcluir
  9. Ainn que coisaa, esse hot da malu não chega nuncaaaaa
    Que anciedade meldels, #Zangel #Langel #Larry #Malou #Marry
    Essa vida de shipper não tá fácil não viu hahaha
    Malikisses continua <33

    ResponderExcluir
  10. Continuaa *-*
    #Morta de curiosidade Sen Or que fim bafônico é esse??
    Falando sério, não sei quem shippar, pq todos os casais dessa fic são perfeitos.
    PQP Continua garota, assim cê mata as Directioners Heehe
    Bjus >>Carol<<

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Per-Fect como diria Leeroy
    Haha QUERO ZANGEELL
    Continua :*
    Malikisses

    ResponderExcluir
  13. Ameii perfeita.... To apaixonada por essa fic 💓💓💓 bom carnaval para vc tabem sim eu shoppings zangel....

    ResponderExcluir
  14. Ameii perfeita.... To apaixonada por essa fic 💓💓💓 bom carnaval para vc tabem sim eu shoppings zangel....

    ResponderExcluir
  15. Ameii continua logooooooo tá, chorei lendo a parte de Angel, tipo apesar se e eu AMAAAR AQUELE GOSTOSO DO ZAYN AQUELA PERFEIÇÃO QUE PODERIA ME ESTRUPAR, mas não shippo, Langel é meu amorzinho

    ResponderExcluir
  16. Ô Deus que maravilha essa fic, my josh que flagra foi esse!! Ameii
    Continua Amore, tá realmente incrível, esse liam não se decide né! eu acho que o Lee é quem tem que ficar com a Angel, mas o Zayn merece um consolo néh!
    Hahaha Malikisses <3

    ResponderExcluir
  17. Ain que perfeito *-*
    Continua
    By Lari

    ResponderExcluir
  18. Uhuuu Muito mara esse cap
    Menina vc tá cada vez mais diva hahaha
    E Esse final aí? Sen Or coitada da Malu
    Continua Flor Malikisses
    Aninha

    ResponderExcluir
  19. Lindo demais, Amei continua amore
    Tá perfeito como sempre haha
    #Anciosa Malikisses

    ResponderExcluir
  20. AAAAAA To Doida o.O
    Que flagra foi esse, kkkk Coitada da Malu
    Sabe prefiro mesmo que ela fique com o Liam, pq sei lá, eles são
    diferentes e é mais emocionante, mas acho que ela dever ter uma conversa com o Zayn, tentar entender ele sabe, tadinho *-*
    Continua viu Flor, haha Quero só ver o que vai acontecer com Malou e Marry, Como sempre vc conseguiu nos deixar mortas de curiosidades com esse fim Abalador hahaha
    Continua Malikisses e Horanhugs ;)

    ResponderExcluir
  21. nossa malu segura na mão de deus e vai

    ResponderExcluir
  22. Adorei esse capítulo que contou um pouco mais do passado da Angel.Mas eu ñ acho que ela combina com Zayn, sinto que ñ tem amor msm entre eles...acho que é mais paixão, mas a fic está ótima !!

    ResponderExcluir
  23. Langel ♥♥♥
    EITA MERDA, MALU MULHER VC SE LASCOU! :O
    -Julyana Esther

    ResponderExcluir
  24. Dri, depois vc pergunta o motivo das pessoas abandonarem a fic, olha a quanto tempo vc não escreve! Na minha opinião isso é uma falta de respeito com seus seguidores... O blog ta parado a um tempão!!!

    ResponderExcluir
  25. Não shippo Zagel Shippo Lagel :3 Continua Tá perfeita sua fic ~ Laura ~ <3

    ResponderExcluir
  26. Zangel na minha opinião é ma merda e bem feito pra malu

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*