18 de junho de 2015

I really need you - capitulo 6.

Touché!

                                            >Ariane<
- O que você faz aqui? - Pergunto curta e grossa ao Harry que logo tira o sorriso do rosto.


- Eu vim trazer o presente da Lana! - Ele encolhe os ombros. 
- Pra mim? - Os olhinhos da Lana brilham e ela corre ate o Harry que a pega no colo e sinto meu coração ficar bem pequeno e apertado. 
- Lana, vá para o quarto a mamãe precisa conversar com o Harry. - Falo firme tentando me controlar ao máximo. 
- Ah mamãe... - Ela reclama.
- Agora - Falo com mais firmeza. - Por favor amor - Suavizo.

 O Harry põe-a no chão e ela vai para o quarto com o Louis e a Lucy que nem ousam olhar para trás. 

- Não precisava fazer isso. - O Harry fala baixinho se aproximando. 
- Assim como você não precisava estar aqui. - Arrebato. 
- Touché. - Senta-se no sofá. - Eu só quero entregar o presente dela Ari. -
- Não me chame assim e eu já disse que não quero você perto dela. - Cruzo os braços demonstrando minha irritação.
- Você não pode me impedir. - Ele fala baixinho ate de mais. 
- Eu não posso o que Harry? - Pergunto com os olhos semi serrados e com sarcasmo a ponto de explodir. - Você deve estar de brincadeira! -
- Ari por favor ela é minha filha também! - Levanta-se e fica cara a cara comigo. 
- Sua uma ova, ela é minha filha. Você a rejeitou. Você foi embora. Eu te odeio tanto Harry, mas tanto... - Me aproximo com ódio no olhar. 
- Caramba Ariane cresce, isso já faz tanto tempo! - E é então que meu ódio explode. 
- Tanto tempo? - pauso. - Tanto tempo? - repito só que mais alto. - Seu idiota cresce você! Isso aqui é o mundo real não é tudo do jeito que você quer e nem vai ser. - Quase grito. 
- Eu vou assumir ela sim custe o que custar! - Ele diz firme e eu seguro-me para não lhe espancar ate a morte. 

  Ele caminha rapidamente ate a porta, abre-a, tira uma caixa que estava do lado de fora com cuidado, caminha ate mim e põe a caixa no sofá. Ele deixa a caixa no sofá e sai sem dizer mais nada. Me aproximo da caixa no mesmo instante em que a Lana, a Lucy e o Louis entram na sala. 

- É o meu presente? - A minha filha corre ao meu pé. - Posso abrir? - Eu nem tenho a chance de responder e ela já esta abrindo a caixa e no seu rosto forma-se a perfeita expressão de adoração. Ela põe a mão na caixa e ao tirar ela tenta segurar um cachorrinho meio sonolento, que ao meu ver é um vira-lata.


                                                                   > Harry <
- Oi meu amor! - Ouço a voz da Nora, minha namorada do outro lado da linha.
- Oi linda como você tá? - Apoio-me a parede da sala da casa da minha mãe e sorrio.
- Estou bem baby, só liguei pra avisar que chego no próximo domingo. - Um sorriso é claramente notável em sua voz. - Eu estou louca para conhecer a minha sogra. - Ela comemora.
- Ela também esta. - Minto.
- E então, que você fez hoje sem mim? - Penso um pouco antes de responder e concretizo uma frase por fim.
- Fui a casa de uma velha amiga! -
- Será que eu preciso sentir ciumes dessa velha amiga? - Ela brinca mas fica evidente que por trás dessa brincadeira a uma seriedade. Enrijeço.
- Claro que não baby. -
- Acho bom mesmo. Bom amor tenho que ir ate outra hora. - Despede-se.
- Ate mais Nora. -

  Vou para o meu quarto e deito-me na minha cama á espera do sono. Mas ele não chega. Encaro o teto e os pensamentos chegam em uma velocidade incrível.

  Já entrou na minha cabeça o fato que eu sou pai de uma princesinha maravilhosa e que eu tenho e que eu vou assumi-lá. Mas caramba eu não sei ser pai! Não existe um curso ou uma escola que ensine essa tarefa e eu precisava muito disso, O que eu falar a ela? Como eu a ensino os princípios e as virtudes necessárias?

 Será que se eu tivesse ficado e não fosse um superstar teria sido diferente?
É claro que teria, eu amava a Ariane e nós iriamos passar por tudo juntos. Mas eu tive medo e além do mais tinha os meus sonhos... Eu não podia parar. No entanto eu voltei. Hoje eu to aqui será que a Ari não pode me dar uma segunda chance? Eu só estou pedindo para dar amor a minha filha e eu mereço essa segunda chance. Eu vou conseguir.

                                                                                                                                                                   


NEM VOU FALAR NADA PORQUE EU ESTOU EM UMA SITUAÇÃO MUITO FEIA COM VOCES.... NEM DESCULPAS EU VOU TER A OUSADIA DE PEDIR PORQUE DESSA VEZ EU NÃO MEREÇO.


11 comentários:

  1. Maria Eduarda Zancanelo18 de junho de 2015 23:02

    Harry gato esqueça isso. Okay. Estou amando

    ResponderExcluir
  2. Eu só vou te pedir uma coisa e é que vc não pare de escrever... Ta muito fofo eu to amando e continua por favor :)

    ResponderExcluir
  3. Porra esta realmente perfeito
    Continue
    Isto fica melhor a cada dia que passa

    ResponderExcluir
  4. Porra esta realmente perfeito
    Continue
    Isto fica melhor a cada dia que passa

    ResponderExcluir
  5. continua linda
    faz séculos que você não posta
    malikisses

    ResponderExcluir
  6. Continuaaaa
    Comecei a ler sua fic agora mas já estou amando
    posta logo o próximo capitulo menina
    se não vou ter um treco aquii
    Malikisses naah

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*