25 de maio de 2015

DICAS DA Mi ❤ - Como escrever uma fic


GENTE! Vim aqui pra tentar ajudar. 
Sempre escuto essa pergunta "estou começando a escrever uma fanfic, queria alguma dica, me ajuda?", desse tipo. Então... 
Tenho outro blog de HTML e dicas, que estava completamente parado faz um bom tempo, porém voltei com ele, e fiz um TOP 10, de dicas para criar uma fanfic na minha concepção, são minhas dicas, eu escrevi e espero que vocês curtam, deem lá uma olhada, e eu espero que vocês gostem. 
Só não postei aqui porque acho que não combina com o blog, whatever, o link está aqui 

24 de maio de 2015

Sobre Rocket Love

Gente, eu sei eu sei, se alguma leitora minha ainda estiver por aí espero que leia isso e me perdoe
Eu nunca pensei que abandonaria uma fic, eu escrevi Tem que ser você, Little Things, Lasta First kiss e a produtora, na loucura da vida mas sempre continuei. 
O lance é que eu estou numa faculdade muito tensa agora e não estou conseguindo.
Rocket Love foi abandonada. E sim eu pretendo escrever e postar um final mas não sei quando e não posso deixar vocês no aguarde. Então é como se eu tivesse mesmo deixado a fic pra lá. 
Em algum dia mais pra frente, irei postar a maratona final da fic e espero que leiam.
Quero pedir desculpas por ter feito isso.
Colocarei mais gente pra postar fics pra vocês, peço que estimulem as escritoras com seus comentários, elas se esforçam para postar e merecem

Bem, é isso. Mil desculpas 
 Malikisses

Drica <3

I'm Sorry - Capítulo 1

Capítulo 1. Parto em uma jornada para reunir minhas raízes


“Não se esqueça de onde você pertence”

Hoje faz um ano. Há um ano a One Direction acabou. E eu ainda não consegui superar, é claro. Quando os meninos disseram no Twitter que tinham algo importante para nos dizer, eu achei que fosse a volta de Zayn e, apesar de tudo, eu fiquei extremamente feliz. Mas quando, em uma coletiva de imprensa, o Louis falou que eles estavam decididos a terminar com a banda... foi como se eu não tivesse mais consciência do que eu deveria fazer para respirar. Na verdade, eu não tinha mais consciência de nada.
“Flash back On”
– Eu realmente não queria acabar agora, eu não queria desistir. – Foi o que Louis disse, com os olhos marejados. – Mas, infelizmente, não dá mais. Tentamos continuar sem o Zayn, tentamos continuar por vocês, e fizemos isso até onde deu, mas não há como prosseguirmos mais do que isso sem ele. Uma estrela tem cinco pontas, tire uma ponta e a estrela não estará mais completa. A One Direction não é One Direction sem o Zayn.
– Eu gostaria de agradecer ao apoio que vocês vêm no dado durante todo esse tempo. Foi uma longa jornada, vocês mais do que ninguém sabem disso, não teríamos chegado aonde chegamos se não fosse por cada um de vocês. – Harry estava com o rosto extremamente vermelho de tanto chorar, e eu sabia que naquele momento todas as Directioners estavam chorando tanto ou mais do que ele.
– Nunca... nunca se esqueçam de que sempre haverá um lugar especial em nossos corações reservados para vocês, nossos fãs. Nós sabemos que vocês existem, podemos não conhecer todos, mas sabemos que vocês estão aí, espalhados pelo mundo. E amamos cada um de vocês. – Acho que eu não preciso falar que Niall estava chorando tanto quanto Harry.
– Essa foi com certeza a escolha mais difícil que fizemos em nossas vidas, e deixar vocês é praticamente impossível, porque vocês não tem ideia do quanto somos gratos por todo o amor e carinho que viemos recebendo até aqui... Eu gostaria que, por favor, não ficassem com raia de nenhum de nós. Estamos fazendo a escolha que de fato, nenhum de nós pensou em fazer desde que nos tornamos a One Direction, e todos nós gostaríamos de sair simplesmente com a lembrança do amor de vocês, sem nenhum tipo de mágoa pela decisão que estamos tomando. – Liam completou, mais calmo. Ele havia começado a chorar antes mesmo de dar a notícia, o que deixou os fãs preocupado logo de cara, mas agora, depois que a notícia foi dada, ele estava menos nervoso, assim como Louis, mas todos os meninos haviam chorado e demonstrado a dor da perda por estarem dizendo adeus.
– Para nos despedir, eu gostaria que todos cantássemos juntos “Don’t Forget Where You Belong”, tudo bem? Acredito que é a melhor última mensagem que podemos passar em nossa despedida. – Comentou Harry, quando parou de chorar, e logo o toque da música podia ser ouvido.
“Flash back Off”
E ao final da música, eles se despediram. Não era um “Até breve”, ou “Até o próximo show”, era um adeus definitivo. Às coisas haviam mudado demais dentro de um simples ano. Perrie Edwards havia morrido em um acidente de carro e desde então o Zayn nunca mais teve nenhum tipo de relacionamento amoroso. Liam se casou com Sophia, que havia ficado grávida, mas perdido o bebê, e Liam não comentou nada sobre um próximo bebê à vista. Louis voltara com Eleonor e os dois estavam noivos. Niall havia arranjado uma namorada nova chamada Lisa, os dois eram muito fofos juntos, mas não parecia que iriam deixar o relacionamento mais sério, por enquanto estavam apenas ficando. E Hary... bom, Harry ficou com algumas fãs depois do fim da banda e com algumas modelos da Victoria’s Secret, mas não teve nenhum tipo de relacionamento sério com nenhuma delas. Em seu Twitter, ele disse que ainda não havia encontrado a “garota certa”.
Eu via os meus bebês tendo uma vida comum pouco à pouco, um de cada vez, eu ia perdendo um de cada vez. E pensar que nunca pude ir a nenhum show deles, nem mesmo um. Ao menos eu aproveitei o máximo que pude, escutando todas as músicas que pude, participando de todas as tags no Twitter que pude, dando todo o amor e carinho que eu pude. Até o último segundo.
Fecho o meu diário, levantando-me da cadeira e indo até a minha cama. Visto meu moletom preto da 1D e um gorro roxo para proteger o topo da minha cabeça. 
É inverno em Bradford, e eu estou saindo de casa sob uma pequena – e extremamente fria – chuva de flocos de neve. A casa de uma das minhas melhores amigas, a Nath, fica à um quarteirão da minha, e era para lá que eu corria quando precisava de um colo, como hoje. Não demoro mais do que o de costume para chegar à casa dela e entro sem bater na porta, sou “da família” a quase oito anos, então ganhei privilégios como entrar sem precisar avisar ninguém.
Subo direto para o quarto dela e entro, dando de cara com uma Nath esparramada na cama, toda descabelada e uma Mandy, minha outra melhor amiga, com a cabeça deitada sobre a barriga exposta de Nath, mexendo no celular. Aqueles dois seres só de regata e calcinha transparentes eram as minhas melhores amigas, e por causa delas, eu também ficava só de regata e calcinha transparente quando estava em cava sozinha.
– Oi, migas. – Cumprimento, indo me sentar entre elas.
– Oi, migs. Como você está? – Nath perguntou, deitando a cabeça no meu colo. 
– Não muito bem? – Chutou Mandy, deixando o celular sobre a cômoda de Nath e vindo prestar atenção em mim.
As meninas sabiam da minha paixão pela One Direction, sabiam também que hoje faz um ano que a banda acabou e, como as melhores amigas que eram, sabiam mais do que ninguém que eu estava triste.
– Mais ou menos, já estive pior. – Murmuro, fazendo cafuné na cabeça de Nath, mas então ela se sentou e fez sinal para que eu deitasse a cabeça no colo dela e assim eu fiz. Acabou que Nath fazia cafuné na minha cabeça e Mandy fazia uma massagem na minha mão. 
– Não fique assim, migs, já está mais do que na hora de você superar, não acha? – Nath começou, alisando meus cabelos. – Quer dizer, já faz um ano e eles não deram sinal de que pretendem reatar com a banda, não acha que está na hora de seguir em frente?
– Nunca. Eu ainda acredito que eles podem voltar. – Afirmo.
– Bom, então vá atrás.
– Como assim? – Pergunto, franzindo as sobrancelhas.
– Se você ainda tem fé que eles podem voltar, então corra atrás disso, reúna eles novamente. – Mandy sugere.
Era uma ideia. Uma boa ideia, na verdade. Mas...
– Eu? Mas eu sou só euzinha. – Digo, como se eu não pudesse juntar a banda novamente.
– É, você, a Lizzie, que conseguiu rastrear a casa de todos eles e descobrir onde trabalham agora, se bobear você sabe até o CPF de cada um deles. – Ela argumenta, falando como se eu fosse obcecada por eles e, bom... Talvez eu fosse um pouquinho.
Será que eu poderia fazer isso? Convencer os cinco a se juntarem de novo depois de um ano?
– Sim, você pode! – Nath garante, lendo meus pensamentos. Ela fala com tanta certeza que me faz acreditar mesmo que eu posso fazer isso.
– Então, eu vou! Vou juntar a One Direction de novo! – Me levanto da cama num salto, acumulando esperança para me ajudar nessa missão. – E vocês vão comigo!
– E como nós vamos fazer isso? – Pergunta ela, me fazendo voltar para a realidade.
– Ahn... Vamos atrás de cada um deles. Se eu convenci minha mãe a deixar com que eu me mudasse para Bradford só porque Zayn Malik mora aqui, acho que consigo convencer cinco garotos a voltarem a ganhar milhões por semana, a viajar pelo mundo todo e continuar a receber o amor de milhares de fãs, não acha? – Sorrio de modo sonhador, acreditando mesmo que eu irei reuni-los de novo.
– Qual deles vai procurar primeiro?
– É... eu não sei. O único mais perto é o Zayn, mas acho melhor deixar ele por último. – Explico, arquitetando um plano na minha cabeça.
– Por que deixá-lo por último se ele é o que está mais perto? Não deveria começar justamente por ele? – Mandy pergunta, franzindo as sobrancelhas.
– Não. Ele foi o primeiro a sair da banda, por motivos que até hoje eu desconheço, e por mais que ele sempre tenha sido o meu preferido, acho que devo começar primeiro pelos quatro e deixar Zayn por último. Algo me diz que ele vai ser o mais difícil de convencer e eu não quero esmorecer logo de primeira.
– Tudo bem, então primeiramente, por quem você gostaria de começar? – Ela faz a mesma pergunta que Nath me fez à pouco.
– Eu não sei, ahn... acho que posso começar pelo Harry. – Dou de ombros.
– O.K., então pegue seu celular e olhe naquele aplicativo maluco que você baixou que diz a exata localidade de alguém apenas pelo número da placa do carro. – A sapequinha sorri para mim de modo travesso, e eu devolvo o sorriso.
Pego meu smartphone do bolso e abro o aplicativo, clicando em “endereços salvos”, logo aparece a lista do endereço dos meninos e eu foco no endereço do Harry.
– Aqui diz que ele está em Holmes Chapel, na boate “Sex On The Beach”
– Esse Harry não perde tempo, hein? Aposto que deve estar com alguma garota. – Nath diz, dando um sorriso malicioso, e eu ri. Às vezes elas tinham umas ideias tão loucas, que acabam realmente dando certo e fazendo sentido. Pulei em cima delas, dando um abraço apertado.
– Meninas, eu amo muito vocês! Para sempre! Por toda a minha life eu irei continuar amando vocês! – Praticamente gritei.
– Eu também te amo, agonia. – Elas respondem em coro, rindo.
[...]
Passei mais umas três horas na casa de Nath, planejando melhor os detalhes do nosso plano maluco, mas quando cheguei em casa fui correndo arrumar uma mala com algumas peças de roupa, todo o dinheiro que eu recebia da minha mãe individualmente todo mês e meu e-reader para ler nas horas vagas durante as viagens. Assim que coloquei tudo dentro da minha BMW preta, mandei uma mensagem no WhatsApp para as meninas, perguntando se elas já tinham feito as malas. Partiríamos amanhã para Holmes Chapel exatamente às 09:00 AM, iríamos no meu carro e nos revezaríamos para dirigir enquanto fossemos mudando o percurso.
Já havia ligado para a minha mãe para falar que iria passar as férias viajando com as minhas amigas. Ela havia reclamado que eu não iria usar as férias da faculdade para ir a lugar algum e, ao saber que afinal eu iria viajar com as meninas, ficou extremamente feliz. O lance com a minha mãe ficou bem mais liberal depois que eu fiz dezoito anos. Ela insistia em pagar todas as minhas contas, então era quase como se eu ainda fosse menor de idade, a diferença é que... eu não sou menor de idade. Tenho Dezenove anos e posso fazer o que me der na telha, mas se a minha mãe quer pagar todas as minhas contas, fazendo com que eu poupe o dinheiro da minha mesada, quem sou eu para discordar?
[...]

Já havia amanhecido e eu estava pronta para sair para buscar Nath e Mandy para podermos ir a Holmes Chapel, até agora tudo está sendo simples demais e eu devo aproveitar, porque sei que as coisas podem e vão dificultar muito em breve. Meu maior medo era sair da minha zona de conforto, acho. Mas a sensação eu adoro a sensação de ir embora. É libertadora. Assim como Quentin descreve em Cidades de Papel:
“Ir embora é muito bom, uma vez que você vai. Estou indo embora, e o ato de ir embora é tão empolgante que sei que nunca mais vou voltar. [...] Ir embora é uma sensação boa e pura apenas quando você abandona uma coisa importante, algo que tinha um significado. Arrancando a vida pela raiz. Mas só se pode fazer isso quando sua vida já criou raízes.”

Estava sendo um tanto quanto fácil demais para mim ir embora. E foi então que eu percebi que eu não havia criado raízes aqui. E era justamente por isso que eu estava saindo nessa viagem. Para reunir as minhas raízes.

Continua...
------------------//--------------------//--------------//----------
Hey, Cupcakes! *^*
E então, o que acharam do primeiro capítulo? *^^^*
Eu estou muito ansiosa para saber a opinião de vocês e eu espero mesmo que tenham gostado!
Não sei quando vou postar o próximo capítulo, mas, provavelmente, vai ser por volta de quarta ou quinta-feira, tudo bem? Ou antes HGASUAGSAUGSAU
Beijos de morango :3 ~ Mrs. Malik ♡

I'm Sorry

I'm Sorry

Sinopse

2018. Faz um ano que a One Direction acabou, em 25 de Março de de 2017. Os meninos seguiram caminhos diferentes, vivendo uma vida comum desde então. Mas Lizzie Bonnett, uma fã dos meninos que, apesar do tempo, ainda não conseguiu superar o fim da banda, decidi juntá-los de novo. Com a ajuda de suas duas melhores amigas, Lizzie viaja para locais diferentes, indo atrás de um por um na tentativa de convencê-los a voltar com a banda. Mas quando o segredo de Lizzie vem a tona, ela tem que escolher entre seguir a razão ou o coração nessa viagem onde tudo pode acontecer!
Categorias: Romance, Drama, Aventura.
+ 18 anos
Elenco:

Lizzie Bonnett como Lucy Hale


Zayn Malik como Zayn Malik


Harry Styles como Harry Styles


Liam Payne como Liam Payne


Louis Tomlinson como Louis Tomlinson


Niall Horan como Niall Horan


Nath Evans como Ashley Benson



Mandy Scott como Elsa Hosk


------------------------------//-------------------------------
Oi, gente! o/
Essa é a minha primeira Fic no blog e eu espero que dê tudo certo e que vocês gostem, porque eu fiz com muito carinho para vocês! :3
Meu nome é Milly, e vou assinar como ~ Mrs. Malik ♡