22 de fevereiro de 2016

Revenge - 4



Me aproximei dela tirando os cabelos do seu rosto e soltei um suspiro. 

- Me desculpa por tudo, Mary. 

DIA SEGUINTE 

Acordei e olhei para o lado da cama, Mary já não estava mais ali, nem sua mochila mostrando que já tinha ido embora. Me levantei e olhei para o lado, na comoda havia um papel, me aproximei e notei ser um bilhete. 

Obrigada por ontem a noite, tive que sair pra trabalhar e não sei se volto pra casa, se precisar de notícias salvei meu número no seu celular. - Mary 

Respirei fundo e sentia como se precisasse dela agora, saber como ela estava, se ainda se sentia muito mal pelo que aconteceu... ah que merda, estou tão culpado que me sinto até sufocado. 
Meus pensamentos foram cortados por batidas na minha porta, caminhei até a mesma e a abri vendo Marlon com olheiras, parecia destruído, assim como eu queria antes de vir pra cá mas... não me sinto bem, cadê a satisfação de fazê-lo se sentir mal assim como eu me senti? 

- Tudo bem, senhor? 
- Não -Suspirou - só vim perguntar se você não viu a Mary? 
- Ahn... ela passou aqui mais cedo, disse que iria sozinha trabalhar e não sabia se voltava hoje 
- Okay, então vou pro trabalho, obrigado. 
- Não precisa agradecer.

Ele deu de costas e saiu. Agora é certeza que tenho que sair dessa casa, não quero me afundar nos problemas e na culpa que estou criando, eu sentia ódio e agora nem sei mais o que se passa aqui dentro. 
Arrumei minha mala e estava ensaiando mentalmente uma desculpa qualquer pra minha demissão. 
Já estava quase anoitecendo quando escutei um barulho na porta, ao abrir a mesma, Mary estava me olhando com a blusa um pouco rasgada e um olhar vazio, que nunca vi nela antes. 

- Tudo bem com você? - Perguntei 
- Tudo ótimo - disse entrando 
- Parece que não - Me virei pra encará-la - onde você se meteu? 
- Eu sai com um pessoal - Se jogou na cama - foi tão mágico, eles me levaram pro M.B.C. - Riu 

M.B.C. é o bar mais barra pesada que havia por aqui, segundo Liam só tinha drogados e bêbados frustrados, olhei novamente em seus olhos e notei o porque do olhar vazio, ela estava completamente chapada. 

- Não me diga que se drogou, Mary 
- Foi divertido, Louis - Riu 

Revirei os olhos e a puxei, enquanto ela resmungava a coloquei no meu ombro e a levei até o banheiro. A coloquei na banheira e liguei a água no modo frio, a mesma tentou se levantar mas nem me esforcei em fazê-la ficar, já estava mais que óbvio que ela não conseguiria levantar. 
- Me tira daqui - Ela disse manhosa 
- Mary, só fica parada, um banho gelado vai te ajudar.

Quando menos notei ela estava abraçada aos joelhos chorando baixo, me sentia mal, cada segundo ao vê-la assim. Finalmente notei que a vingança nunca trará minha mãe de volta e que na verdade só está me destruindo.

- Ei - Segurei em seu rosto - vai passar, seu pai te ama, não precisa fazer essas coisas.
- Eu...Eu estava com raiva, Louis, queria que ele tivesse um motivo de verdade pra sentir raiva de mim, quis me vingar e piorei tudo. - Soluçou 
- Eu te entendo.


Logo ela se sentou na borda da banheira e me abraçou, correspondi ao abraço rapidamente e depois peguei a toalha a cobrindo. Passei a mão pelo seu rosto tirando um pouco da maquiagem borrada e ela olhou em meus olhos.

- Tenho muita sorte de ter você aqui.
- Você está só bêbada, não sou tudo isso.
- É sim e eu gosto muito de você.

Eu logo notei aonde isso estava chegando e eu não gostava do rumo da conversa, não pela breve declaração que ela fez, mas por me sentir exatamente igual em relação a ela.

- Vai trocar de roupa - Me levantei - sua mochila está ali.

Sai do banheiro encostando a porta e me sentei na poltrona, minha cabeça parecia querer explodir, é coisa demais pra mim.

- Está pensando? 

Olhei pra ela que saia do banheiro vestida em uma camiseta branca larga e um shorts, sentou-se na cama e olhou pra mim, esperando que eu dissesse alguma coisa.

- Alguns problemas pessoais.
- Quer me falar? 
- Não gosto de falar sobre isso.
- Tudo bem - Deu de ombros - por que mudou de assunto depois do que eu te disse? 
- Porque... Você não pode gostar de mim. 
- Qual o problema? 
- Você tem uma imagem errada de mim, de um cara sem defeitos e super legal, mas não é bem assim.


- Então me fala.
- Não posso e nem quero.
- Já que não quer conversar em vou dormir - Se aconchegou na cama - Louis?
- O que foi? 
- De qualquer forma, gosto de você e não importa o que você está escondendo.
- E por que gosta de mim? 
- Porque você se importa sem esperar nada em troca. - Sorriu de canto 

Continuei olhando pra ela, até a mesma fechar os olhos e dormir,
Me levantei, tomei um pouco de água e me deitei na cama ao seu lado.

- Eu também gosto de você, mesmo sabendo que um dia você vai me odiar. - Sussurrei pra ela 

DIA SEGUINTE 

Acordei e me levantei, senti um cheiro de café, e como a casa é praticamente em um cômodo só, olhei pela bancada e Mary fazia café.
Fui até o banheiro, fiz minhas higienes e depois andei ainda sonolento até a cozinha.

- Bom dia - Ela disse 
- Bom dia... melhor? 
- Sim... - Sorriu - tirei hoje o dia de folga.
- Ahn, isso é bom.


- Vai viajar? - perguntou - Vi algumas malas no chão.
- Acho que vou embora, procurar outro emprego.
- Não gostaria que você fosse. - Disse enquanto colocava o café em uma xícara 
- As vezes preciso fazer umas coisas que eu não quero.

Tomei um pouco do café enquanto ela fazia o mesmo, depois largou a xícara na pia e veio até mim.

- Na verdade pode ficar pelo menos mais um pouco 
- Pode me ligar quando quiser - Sorri - vai me deixar feliz também 
- Parece que se decidiu mesmo, hein?
- Pois é.

Em uma surpresa ela me beijou, correspondi ao beijo, que logo foi rompido por ela que não tirou a proximidade.


- Mary...
- Eu preciso de você.
- Não faz isso comigo - Eu disse baixo 
- Tarde demais, já fiz.

Ela sorriu maliciosa e voltou a me beijar, agora colando seu corpo ao meu, a impulsionei para o meu colo e a levei até a cama.


- Eu... - Tentei relatar 
- Não fala nada - Me beijou

continua...

CONTINUO COM 9 COMENTÁRIOS 

OIIIII DESCULPA DEMORA, CONTINUO SEM NET MAS DEI UM JEITO ❤️

9 comentários:

  1. Continua por favor! Bjus estou amando.

    ResponderExcluir
  2. Meus Deus ela ficou doidona e nem se aproveitou disso pra dar uns pega no Louis. Que desperdício.

    ResponderExcluir
  3. Hot a vista.�� S.R.

    ResponderExcluir
  4. Olá saiu o vídeo Legendado da nova música do Zayn, It's You, segue o link: (link: https://youtu.be/krX8PqI58OY) youtu.be/krX8PqI58OY Inscreva-se no canal, e curta nossa página, vamos ter novidades em breve ;)
    Zayn Malik- It's You

    ResponderExcluir
  5. Olá saiu o vídeo Legendado da nova música do Zayn, It's You, segue o link: (link: https://youtu.be/krX8PqI58OY) youtu.be/krX8PqI58OY Inscreva-se no canal, e curta nossa página, vamos ter novidades em breve ;)
    Zayn Malik- It's You

    ResponderExcluir
  6. Continua,esta muito bom.

    ResponderExcluir
  7. Obrigada pelo esforço, suas aulas já começaram? O cap ótimo como sempre, mas aquele "vai dá merda, vai! Vai dá merda vai da merda" não sai da minha cabeça. Bj até

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*