14 de janeiro de 2016

FLAWLESS EPILOGO - 5


– Skyler P.O.V.

a viajem que não era pra durar nada já estava durando quase um mês, houveram coisas importantes acontecendo que eu como uma das escritoras principais não poderia deixar de cobrir. Amava trabalhar, escutar cada uma das pessoas, ouvir o que elas tinham a me dizer e gravar todas as suas palavras, depois abraçá-las agradecendo, mas era horrível deitar na minha cama e começar a pensar no Zayn, que todos os dias me liga nervoso, claro, Caleb que fala comigo ao telefone com a voz chorosa, sempre dizendo a mesma coisa "tchau, mamãe, volta logo". 
Só que hoje isso iria chegar ao fim, só de arrumar minhas malas, me sentia aliviada, Ruby apareceu cantarolando no quarto e abriu um sorriso pra mim. 

– Animada? – Perguntou enquanto se jogava na minha cama 
– Muito – Fechei minha mala – Estou com tanta saudades do Caleb – Suspirei 
– As vezes eu esqueço que você é casada e tem um filho 
– Ninguém acredita quando eu conto isso por aqui, estou sentindo tanta falta que até a faxineira sabe alguma história dele – Ri baixo 
– Arruma sua mala, já saímos 
– Arrumei, não tinha muita coisa 
– Então, vamos nos despedir 

Peguei minhas malas, mesmo totalmente atrapalhada peguei o elevador e com a ajuda do taxista coloquei tudo no porta malas, antes de entrar no mesmo, pude escutar um grito, me virei e era Alika correndo até mim, uma pequena garota de 10 anos, sua mãe era faxineira do hotel e foi uma das primeiras a me ajudar, acabamos ficando amigas, todo tempo livre que eu tinha acabava gastando com ela. Abri os braços e ela me abraçou. 

– Vou sentir sua falta, Sky – Sorriu 
– Eu também vou – A abracei forte – Eu te juro que ainda vamos nos ver 
– Eu espero... – me encarou – quando eu puder vou até o telefone do hotel e te ligo 
– Tudo bem, me ligue quando quiser, quero notícias e saber das suas notas, entendeu? 
– Sim – Assentiu – Fiz isso aqui – me entregou um papel – É pro Zayn e esse aqui – me entregou um boneco de pano – É pro Caleb, eu mesma fiz 
– Ah que amor – Beijei seu rosto – eles vão amar, te mando uma foto pelo correio 
– Promete? 
– Claro que prometo e... – Tirei meu colar – pode ficar, meu presente pra você 
– É muito bonito – pegou em mãos – eu nã... 
– Pode sim – Escutei a buzina – agora eu preciso ir 

Ela me deu um último abraço e eu entrei no táxi junto com Ruby, deitei a cabeça em seu ombro e ela riu. 

– Admita que vai sentir falta daqui 
– É tão longe, poderia ser perto – Eu disse manhosa 
– Relaxa, Skyler – Me abraçou 

***

Não havia contado para ninguém que eu estava de volta, cheguei em casa de surpresa com dificuldade achei as chaves e entrei. 
Escutei alguns barulhos, deixei minhas malas na sala e me aproximei da cozinha, podia sentir o cheiro da comida do Zayn, apareci na porta e os dois comiam rindo, nem ao menos notavam minha presença. 

– Será que sobrou comida pra mim? 

Os dois olharam pra mim ao mesmo tempo, tiveram a mesma reação de arregalar os olhos e sorrir, demonstrando que estavam passando muito tempo juntos. Caleb largou o prato e correu até mim, pulou no meu colo e eu o abracei. 

– Que saudades – O enchi de beijos 
– Também, mãe... – Me encarou – eu ensinei o papai a jogar futebol 
– Sério? – Eu disse surpresa 
– Eu tinha que tentar substituir você – Deu de ombros 

Deixei Caleb no chão e fui até Zayn lhe beijando, ah que droga, não conseguia entrar nessa maldita rotina de casados que sempre dizem, minha mãe vivia falando que aquela paixão diminui e fica mais fácil, mas isso não acontece, cada dia longe dele me preocupei e queria estar ao seu lado, beijá-lo e dormir do seu lado novamente. 

– Nem precisa dizer que sentiu minha falta, tenho certeza disso – Sorriu 
– Eu senti falta até desse seu ego idiota – O abracei – Conseguiu sobreviver? 
– Acho que sim – Suspirou – Mas agora sei porque você perdeu peso tão rápido, meu Deus ele não para 
– Eu disse 
– Mãe, vamos brincar lá fora? 
– Filho já é noite – beijei seu rosto – amanhã prometo que brinco com você, okay? 
– Okay – revirou os olhos 

*** 


Depois de colocar Caleb pra dormir finalmente consegui tomar um banho e relaxar de uma vez só, por mais de tudo sentiria saudades da rotina. 
Coloquei uma roupa leve e me deitei na cama, Zayn apareceu no quarto secando os cabelos, mostrando que tomou banho em outro banheiro e deitou-se do meu lado, abraçou minha cintura e me puxou pra perto, abracei sua cintura enquanto ele beijou minha testa. 



– Fiquei preocupado – Disse sério 
– Estou aqui... Não precisa mais se preocupar 
– É uma merda ficar sem você nessa casa – Disse baixo 
– Como é? Pode falar mais alto? – Ri
– Você me escutou muito bem e você podia achar um cara lá melhor que eu, fiquei mais tempo em casa assistindo um monte de filmes que me deixaram paranoico 
– Como assim? Enlouqueceu? – Debochei 
– É, todo filme tinha uma garota que estava casada com o cara perfeito, no caso seria eu, então vem outro cara bonitão e super engraçado, então ela se apaixona e deixa o marido perfeito 

Comecei a rir e o beijei, ele me encarou como se eu tivesse algum problema, mas no caso o único problemático aqui é ele. Me aconcheguei mais em seus braços e ele ainda me olhava esperando que eu falasse algo. 

– Zayn, por isso são filmes, só histórias pra alguém ficar sonhando... somos casados, temos um filho e eu te amo, para de ser bobo 
– Eu fiquei muito tempo sozinho, o idiota do Louis voltou pra Los Angeles já faz uma semana 
– Que pena, estava com saudades dele também 
– E esse seu maldito perfume não me deixava te esquecer, porque Caleb ainda por cima derrubou metade do vidro no quarto, toda hora que eu entrava aqui me iludia que você já tinha chegado 
– Ele deve ter aprontado um monte 
– Mas eu fiquei no controle da situação – Se gabou 
– Não se desesperou nem um pouco? – Ergui uma sobrancelha 
– Não... – Negou 
– Orgulhoso – Finalmente consegui tomar um banho e relaxar de uma vez só, por mais de tudo sentiria saudades da rotina. 

– Senti falta de outras coisas também – Disse em meu ouvido 

Sorri e beijei seu pescoço. 

– Bom estar de volta – Eu disse 


Senti as mãos de Zayn desabotoando meu shorts, parou de me beijar, e puxou meu shorts logo o tirando e jogando em qualquer canto.


suas mãos subiram deslizando das minhas coxas, até minha cintura, debaixo da minha blusa, logo ele me ajudou a tirar a minha blusa, me deixando apenas de lingerie. Mudamos de posição, Zayn sentou-se me deixando em seu colo. 

 tirei sua camiseta e beijei seu pescoço e peitoral, vendo que ele fechou os olhos. Sorri e beijei seus lábios. Suas mãos foram até minha cintura apertando de leve,  rebolei em seu colo, fazendo-o arfar entre o beijo. Zayn deitou-se e logo desabotoei sua calça e a tirei, beijei seu peitoral subindo até seu pescoço, senti suas mãos em minhas costas, indo até o fecho do meu sutiã, o beijei de forma intensa, e logo pude sentir meu sutiã sendo aberto.
Zayn ficou por cima de mim, sem partir o beijo, mas parou para tirar meu sutiã por completo, ele acariciou meus seios me fazendo morder o lábio inferior para segurar o gemido, ele sabia o que estava fazendo, então olhou para mim com um sorriso perverso estampado nos lábios. ele roçou seus lábios nos meus, mas não me beijou, desci minhas mãos até a barra de sua box, quando estava prestes a tirá-la, ele segurou meus braços prendendo na cama. 

– Dessa vez você é só minha 

Ri baixo e ele beijou meu pescoço até meus seios, gemi baixo enquanto Zayn parecia se divertir com minha total duvida do que ele estava aprontando, seus toques me davam arrepio e eu não podia negar que estava gostando. Ainda me beijando ele desceu até minha barriga e com a boca puxou a calcinha pra baixo e com sua mão direita a rasgou de uma vez só. 
Impulsionou minhas pernas para que ficassem em volta de sua cintura, apoiou o braço na cabeceira da cama, o senti dentro de mim de surpresa, cravei minhas unhas em suas costas e ele apertou com sua mão livre minha coxa. 
Depois fiquei por cima dele, suas mãos subiram da minha cintura até meus seios enquanto eu me movimentava rápido, mas ao poucos fui parando  e ele chegou a ápice, deixei meu peso cair sobre ele e deitei a cabeça em seu ombro enquanto recuperava o fôlego. Me deitei do seu lado na cama, virei-me de costas pra ele e relaxei meu corpo, ele me cobriu com lençol e senti seu corpo colado ao meu. 

– Te amo – Sussurrou ofegante 

Mesmo sem olhá-lo, acariciei seu rosto, me virei e o beijei pela última vez, abracei sua cintura e fechei meus olhos. 

– Também te amo... muito 

Depois disso, adormeci no mesmo momento.


DIA SEGUINTE 



Acordei, me espreguicei, depois de enrolar um pouco, levantei pra tomar um banho, depois disso, coloquei um shorts e uma blusa confortável. 
Passei no quarto do Caleb que brincava animado com seu bicho de pelúcia, fui até ele lhe dando um beijo estalado no rosto. 



– Bom dia, meu amor 
– Bom dia, mamãe 
– Já tomou banho? 

Ele negou com a cabeça e sorriu. 

– Acho que já está na hora, em? 
– Não – Disse manhoso 
– Vamos lá, porquinho 

O coloquei no colo e fomos até o banheiro, antes de tirar a roupa, ele correu até o quarto, voltou pro banheiro e me mostrou algo. 

– O que é isso? – Perguntei 
– Meu dente, caiu – Sorriu 

Então prestei atenção melhor e notei que ele estava sem um dos dentes. 

– Meu Deus, quando isso aconteceu? 
– Agora? Tio Louis falou que quando meu dente ficasse bem mole era pra puxar
– Parabéns – Baguncei seus cabelos – Vai colocar no travesseiro? 
– Por quê? 
– Pra fada do dente te dar um presente 
– Sério?  
– Sim, mas nem tente escapar do seu banho, escutou? 
– Tá... – Bufou 

Depois do banho, coloquei uma roupa nele. Queria que ele ficasse em casa pra matar saudade, mas como seria o último dia dele na escola antes das férias, acabei deixando que ele fosse. 
Fiquei surpresa ao deixá-lo na escola voltar pra casa e Zayn ainda estava na cama. Me sentei do seu lado e beijei seu rosto, que aos poucos acordou. 

– Perde o horário? 
– Não – Se espreguiçou – só acordei com dor de cabeça e pensei que seria uma ótima desculpa pra ficar em casa 
– Meu Deus, acho que isso é um milagre 

Ele riu e se levantou indo até o banheiro, enquanto eu arrumei rapidamente a cama, ao voltar ele abraçou minha cintura e beijou meu rosto. 

– Faltou no trabalho, está romântico, o que aconteceu? – Perguntei 
– Sabe... esse tempo com o Caleb me fez pensar como é bom ficar em casa com a família 
– Começou a notar isso agora? – O encarei e ri 
– Fiquei muito tempo sem ter uma família mesmo, acho que esqueci como é bom e nem tentei direito 
– Realmente, tem algo acontecendo com você 
– Será que é bom? – Ergueu uma sobrancelha 
– Mudar pra melhor é sempre ótimo – O beijei 


10 ANOS DEPOIS 

CALEB P.O.V. 

CONTINUA... 



----------------------------------------------------------------------------------

EU SEI QUE DEMOREI UMA VIDA PRA POSTAR ME DESCULPA 
Vou postar o próximo e último capítulo do epílogo daqui a pouco dessa vez não vou demorar, juro, é que tenho ficado um pouco desanimada pq o blog está super parado :( nem parece o de antes mas me empenhei pra continuar e espero que gostem:) beijos mi. 

17 comentários:

  1. Aaaaah qe lindu cara :') tava cm saudade dos cap hot

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Nanda❤️ Fico feliz que tenha gostado

      Excluir
  2. Aaaaah qe lindu cara :') tava cm saudade dos cap hot

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Aí cara, que amores *-*
    Continua logo se possível.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Aí cara, que amores *-*
    Continua logo se possível.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Eiii diva, sabe que amo suas fica neh? Eu posso até não saber a história mas com apenas um capítulo, suas fica me ganham,o blog está realmente parado, mas você poderia animar ele né?! ^.^ mas fica desanimada não. Bjs te amo mesmo sem te conhecer direito fui :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To super desanimada, mas comentários feito os seus me animam pra continuar postando ❤️

      Excluir
  7. Que saudades dessa fic mdssssss. Continua flor, está incrível!!!!!! E 10 anos dps ? Preciso do próximo logoooo hahah. Beeeeeeijos <3 DudaxX

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enrolei mas postei haha, MUITO obg amor❤️

      Excluir
  8. Michele Maia te amo! CASA COMIGOOOOOOOOOOOOO! Acabei de ler a 1temporada dessa fic.... E cara! QUE FIC! SIMPLESMENTE AMEI! isso só em 12 capítulos, chorei, ri pacas, emburrei, me irrietei, mas principalmente AMEI! Cara devia virar escritora Tia, sério, olha, eu estava pensando esses dias que eu precisava mudar meu jeito quando voltar as aulas, deixar de ser tão PA! E me apegar tanto, essa fic me ajudou a ver quem eu quero ser pra poder me proteger a ao mesmo tempo não virar uma babaca ignorante, vlw gata TI AMO- LOVE U- TE AMO- CASA COMIGO DIVA! (ps: zuera, casa não, calma, meu coração tem dono.... Homem)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha linda que bom que gostou da fic e ela te ajudou ❤️ Sempre que quiser desabafar etc, pode deixar aq nos comentários sempre leio e respondo quando possível, muito obg

      Excluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*