30 de abril de 2015

FIRE ☣ 15 O FIM



MARATONA DE CAPÍTULOS 

I know you said
That you don’t like it complicated
That we should try to keep it simple
But love is never ever simple, no

Someday, you’re gonna see the things that I see
You’re gonna want the air that I breathe
You’re gonna wish you never left me


- então vamos aproveitar antes que tudo acabe - me beijou 

1 MÊS DEPOIS 


Estava terminando de responder a última pergunta da prova, e por um momento, antes de levantar e entregar a mesma, passou pela minha cabeça como foi esse ano em Bradford, e agora, como está acabando, e cada um vai seguir seus lados.
Me levantei, entreguei a prova e caminhei pra fora da sala, logo senti alguém me puxando e me abraçando de lado, claro, Cook.

- LIBERDADE! - ele gritou
- ri - finalmente! - entrei no clima - então, o que passa pela sua mente?
- um lugar pra fazermos a melhor festa de Bradford, porque formatura vai ser uma babaquice, que nem sei se vou vir
- verdade - revirei os olhos
- e aí, pessoal - Zayn apareceu do nosso lado
- e aí? - Liam veio junto
- como foram na prova? - perguntei
- acho que fui bem - Zayn comentou
- eu tenho certeza - Liam disse e sorriu - agora preciso esperar minha namorada
- acho que ela já saiu, talvez esteja te esperando lá fora
- valeu, Lindsey - beijou meu rosto - vejo vocês depois - disse saindo

Sorri pra ele, e então esperamos os outros garotos, quando eles terminaram, fomos até a lanchonete mais próxima, até mesmo Fred que parecia bem melhor.

- então gente, o que tem em mente? - perguntei
- não sei - Liam comentou e abraçou sua namorada de lado
- qual é, sou James Cook, vou ter uma ideia ótima, essa merda acabou, temos que ter uma festa foda

Acabei rindo com o convencimento do Cook, ele começou a falar animado sobre pegar a casa de um dos riquinhos do colégio, entre muitas conversas, acabei saindo um pouco com o Zayn.

- Cook é louco - ele comentou
- essa é a graça dele - sorri
- então - suspirou - nossas últimas férias
- primeiras e últimas - o encarei - que melancólico - ironizei
- não, tudo menos isso - me beijou - acho planejarmos a festa junto com o Cook, precisamos nos divertir
- você sabe que tem sido meio complicado
- eu sei - me abraçou - mas é nosso último ano, temos que aproveitar, certo?
- certo - sorri
- QUAL É CASAL MARAVILHA, VOLTA LOGO PRECISAMOS ARRUMAR ISSO PRA ONTEM - ouvi Cook gritar

Nos encaramos e rimos, voltamos para a mesa e voltamos a planejar junto com o Cook.


1 SEMANA DEPOIS

- Essa festa vai ficar pronta em tempo record - Niall comentou
- Okay, temos um dia pra arrumar tudo - Louis disse - você podia ter chamado algumas garotas, em? - ele reclamou
- Concordo com o Lou
- meninos, parem de reclamar e trabalho - eu disse

Decidimos fazer a festa em um terreno vazio e abandonado, então, tínhamos que fazer esse terreno em um dia parecer totalmente divertido e nada assustador.
Alguns ficaram pra limpar o banheiro, outros com a decoração, eu fiquei com a parte fora da organização, a chamada, já que os que falam mais alto e são mais conhecidos somos eu e Louis, ficamos com essa.

- alguma ideia? - perguntei pra ele
- tenho - mostrou uma caixa
- o que tem aí?
- panfletos - sorriu - vamos fazer várias placas pra chegar até a festa, já que ele fica perto do colégio, vamos colar indicando, então avisamos a todo mundo
- você é um gênio, Tomlinson
- pra isso pelo menos, eu sou, tem que admitir - sorriu - agora vamos trabalhar

Começamos a colar os cartazes em paredes e postes, até chegar no terreno, depois mandamos mensagem pra todos, e conversamos com quem achavámos na rua e no shopping, afinal, Bradford não é grande pra ser tão difícil de encontrar todos, quando notamos já estava perto de anoitecer.

- finalmente - suspirei - acho que terminamos - me sentei na calçada
- realmente - se sentou do meu lado

Estávamos na frente do terreno, mas ainda não entramos, porque simplesmente estamos mortos de cansaço.

- é bom essa festa dar certo - eu disse
- claro que vai dar certo
- já pensou o que vai fazer?
- acho que eu quero viajar um pouco, procurar um emprego legal por aí... talvez voltar pra minha cidade
- você não é daqui? - perguntei
- não - negou - Doncaster, queria tentar a carreira de futebol, por mais de ser impossível
- sorri - não é não, por mais que eu odeie admitir, você é muito bom
- gosto de como você é positiva - me encarou e sorriu -  você e o Zayn?
- vai acabar - dei de ombros
- positiva com os outros, com você não - riu - deixando o assunto relacionamento de lado, você está me devendo dois cds
- pensava que você ia esquecer - fiz uma careta
- quer saber? pode ficar com você - piscou - agora vamos ajudar na festa, antes que Cook e o Niall coloquem fogo antes que comece

Ri junto com ele e entramos no galpão, tinha ficado melhor que eu pensava.

- Nossa pessoal, ficou ótimo - eu disse olhando em volta
- eu sei, somos demais - Zayn apareceu do meu lado
- sem exageros, querido
- então gente, vou ficar cuidando um pouco com o Cook - Niall disse entrando no meio - vocês podem ir se arrumar, e depois a gente vai


(...)

Terminei de me arrumar, Zayn me mandou uma mensagem dizendo que está na porta.
Soltei meus cabelos me ajeitei na calça, calcei os saltos médios e desci as escadas.

- pai vou sair - beijei seu rosto
- isso eu notei - ironizou e sorriu - fico feliz que esteja melhor
- eu estou tentando - sorri
- se divirta, e cuidado!
- sim, senhor

Saí de casa e Zayn já estava dentro do carro, entrei no mesmo, ele logo me beijou e sorriu.

- vamos logo, antes que eles batam na gente, Harry falou que bombou
- sério? - ri
- sério - começou a dirigir

Começamos a conversar e quando chegamos, notei que Harry não estava errado, tinha pessoas até fora do galpão, entramos no mesmo e avistamos todos dançando,  DJ é um amigo do Louis que fez um favor, e claro aproveitamos.
Peguei uma bebida e brindei com todos, dancei tanto até cansar, e bebi mais até ficar bêbada. Tocava de tudo um pouco, mas quando começou a tocar It's my life do Bon Jovi, cantei junto com quase todos da minha sala.


Quando terminou, Zayn me puxou pra fora, decidimos ir andando até seu apartamento que estava perto, afinal não queremos nenhuma tragédia.

Quando chegamos, nos jogamos em sua cama, estava completamente cansada, ao mesmo tempo, que o energético fazia efeito e não me deixava dormir.

- Zayn - o chamei
- fala - olho pra mim
- vamos fazer aquela tatuagem que comentamos?
- enlouqueceu? - riu
- sim - sorri - vamos, por favor
- o tatuador fica aqui do lado, é 24 horas
- vamos - me levantei
- vamos nos arrepender
- quem liga?

Ele riu comigo, pegou sua jaqueta e saímos dali, na mesma rapidez que chegamos, fomos até o tatuador, que não estava ligando muito se estávamos bêbados ou não.

- sabem que a consequência é problema de vocês não é?
- Relaxa, Bill - Zayn sentou-se na cadeira - sabemos o que estamos fazendo
- eu duvido muito - riu - mas vamos lá crianças 

Combinamos de tatuar YOLO na costela, uma abreviação de You Only Live Once, tivemos essa ideia outra vez, eu pensei "que hora seria melhor pra isso?", estamos bêbados, ótima hora.
Não tenho como explicar, mas doeu muito, assim como valeu a pena, quando terminamos, pagamos e voltamos para casa do Zayn. Deitamos no sofá, e agora sim, eu estava cansada.

- notou que sempre dormimos no sofá? - ele perguntou
- ri - notei, acho melhor irmos pra cama, porque minhas costas não aguentam mais
- Então vamos - me pegou no colo
- Zayn você vai acabar me derrubando - reclamei
- relaxa, problema, pode confiar - sorriu

Acabei rindo, então finalmente chegamos na sua cama, ele me deitou na cama e ficou por cima de mim me beijando.

- acho melhor não tentar nada, porque vou dormir no primeiro minuto - comentei
- começou a rir - entendido, Lindsey - me beijou de novo e se deitou do meu lado - manda uma mensagem pro seu pai

Por mais de tudo, no fundo, Zayn se importa um pouco com o que meu pai acha.
Mandei uma mensagem, e me aconcheguei nos braços dele.

- boa noite - ele sussurrou e desligou a luz
- boa noite - sorri



DIA DA FORMATURA

Estavam todos chamando cada um pelo nome, até a hora do discurso, qual Liam faria, estava tão animada pra escutar o que ele iria falar.

- É uma grande felicidade estar aqui, representando toda a sala... eu tenho um sonho grande, e tenho certeza que cada um tem também... queremos apenas um futuro melhor, não só pra nós, mas para o mundo e não vamos desistir - sorriu - e... a sala concordou em homenagear uma pessoa bem especial pra gente, que passou por momentos complicados e já deu muitos problemas, mas nunca deixou de ser especial pra gente... Lindsey - sorriu pra mim

Pensei em fugir, mas decidi deixar acontecer, subi no palco com um pouco de vergonha e o abracei.

- não acredito que esteja fazendo isso comigo
- estou - riu - fala alguma coisa - me entregou o microfone

Olhei pra todos e respirei fundo, olhei para o meu pai e minha mãe, acho que nem os dois notaram que estavam de mãos juntas, mas sei que é mais forte que eles, afinal tenho certeza que ainda se amam.

- eu fico muito feliz de ter passado por algumas coisas e ainda estar aqui, sei que todo mundo tem uma época difícil na vida... só espero que ninguém aqui desista dos seus sonhos, porque... se tem uma coisa que todos nós merecemos e muito... é ser feliz - sorri

Todos bateram palmas e jogaram seus chapéus, Zayn subiu no palco e me beijou.

- vou sentir muito sua falta - ele disse
- e eu o dobro - o abracei

No final, fui fazer o mesmo que a maioria, falar com meus pais. Abracei os dois ao mesmo tempo.

- estou tão feliz - sorri
- que bom, meu amor - minha mãe disse arrumando meus cabelos
- estou orgulhoso de você - meu pai disse e beijou meu rosto

Olhei para os dois juntos, e lembrei como é bom ter o dois comigo, me deixa tão feliz, só escutar a voz calma dos dois.

- Lindsey?

Escutei alguém me chamar, antes de me virar, minha mãe me puxou pra longe dele, e entrou na minha frente.

- Steve! vai embora! o que eu te disse? como tem coragem de aparecer justo na formatura dela?! - ela falava já fora de si
- calma... só vim trazer um presente - se aproximou de mim
- Steve? - questionei
- acho que falaram de mim - me entregou uma caixa - será que pode nos deixar sozinhos apenas um minuto? por favor - olhou para os meus pais

Os dois se entreolharam, eu olhei para eles esperando que deixassem, então assentiram, se afastaram um pouco, e Steve voltou a me olhar.

- então... você é meu pai biológico
- sim - assentiu - olha... não vou tomar seu tempo - olhou pra mim - nossa você tem meus olhos - sorriu
- pois é - dei de ombros
- bem, fique com isso - disse se referindo ao presente - sei que não vai me desculpar, e nem é obrigada, mas eu mudei bastante, porém não quero magoar o Peter, porque ele foi o dobro do pai que eu seria
- é... meu pai é maravilhoso mesmo, mas quer saber? não guardo mágoas de você, Steve, está começando a dar tudo certo, não quero me magoar por isso
- quando sua mãe disse que você é maravilhosa tinha razão, será que eu posso...

Antes que ele terminasse, eu o abracei.
Se fosse alguns meses atrás provavelmente o chutaria pra fora, mas... agora quero parar de guardar rancor, parece que depois de perdoar minha mãe, me sinto bem melhor.
Voltando ao abraço, ele correspondeu e beijou meu rosto.

- eu tenho que ir - se desprendeu do abraço
- já?
- eu... não posso me apegar à você Lindsey, não sou um bom pai e nunca vou ser, mas - olhou em meus olhos - espero que como você disse no discurso, seja bem feliz - beijou meu rosto
- eu queria te perguntar algumas coisas mas você tem razão... melhor não me apegar, mas... será que um dia eu te vejo?
- eu sempre vou estar por perto - piscou - mas talvez demore pra você me ver... tome conta da sua mãe - sorriu - e... boa sorte... filha
- obrigada, Steve
- nunca vai falar pai pra mim não é? - riu
- não sei - ri baixo - mas acho que não
- bem, preciso ir - acariciou meu rosto - se você precisar mesmo vou estar aqui
- vai?
- sim - assentiu - não tanto quanto o Peter, é difícil de competir com ele... mas vou estar... tchau
- tchau, Steve e... boa sorte pra você também, valeu por... finalmente aparecer
- sorriu - eu que agradeço

Ele se virou e foi indo embora, até entrar no seu carro e partir de vez.
Tão confuso ter dois pais, mas pelo menos, Steve não parece ser péssimo como pensei.
Abri a caixa, e vi um lindo colar, junto tinha uma carta que eu leria depois. Fechei a caixa, e olhei para os meus pais, que pareciam receosos, fui até eles e abracei os dois novamente.


(...)

Lindsey,
Acho que não mereço te chamar de filha... apenas o Peter merece esse previlégio.
Eu te observei por uns tempos, mas nunca tive coragem de olhar pra você frente a frente e me assumir.
Não sei se lembra, mas quando tinha 6 anos, quase foi atropelada e um homem te salvou, te pegando no colo e te levando até a calçada. Essa foi a única vez que pude te pegar nos braços, depois disso tive que me afastar.
Eu sou um monstro por não te querer desde o ínicio, mas no mundo em que vivo, ser um monstro é algo normal, se não compreende direito bem... sou à margem da lei, nunca gostei de segui-la, faço a minha própria lei, e não podia ter uma filha no meio disso.
Fui rude demais com sua mãe, com todos na realidade, mas ao notar que um cara feito eu, foi capaz de ter algo feito você fico feliz.
Acho que agora sabe de quem puxou esse imã para problemas não é? bem, Lindsey... tenha uma boa vida, quem sabe nos encontramos novamente.
STEVE

Ele tinha uma assinatura bem feia pra falar a verdade, mas ao mesmo tempo, tenho que admitir que me emocionei... ele é... apenas meu pai biológico, mas fico feliz que no fundo, ele não tenha me abandonado completamente.
Estava na porta de casa lendo isso, depois de um grande jantar em família. Meus pais estavam tão feliz, e pela primeira vez, eu causei tanta felicidade.

- lendo?

Olhei para o Zayn e sorri.

- meu pai biológico apareceu na formatura
- como foi? - perguntou e se sentou do meu lado
- ele não é tão ruim assim
- posso ler a carta?
- não quero ser rude, mas acho que ele queria que só eu lesse
- riu - entendo - beijou meu rosto - eu tenho uma má notícia
- além de que você vai embora, qual seria pior?
- vou ter que ir daqui duas semanas
- DUAS SEMANAS?!
-  vou estudar nos Estados Unidos, NY, é uma proposta muito boa, a faculdade é ótima na verdade...bem... tenho que me estabelecer por lá.
- eu entendo, só tomei um susto - desviei o olhar
- ei - segurou meu rosto - esqueceu que não queremos um clima pesado?
- não dá - o encarei - porque dói pra porra saber que você vai embora, e eu também... então acaba tudo, como se não tivesse nada
- eu também vou sentir muito a sua falta!
- eu sei mas...
- quer acabar tudo agora?
- eu... acho melhor sim, não quero mais ficar com receio porque a qualquer momento você vai simplesmente embora
- se levantou - você quer tudo do seu jeito, incrível
- como se você também não fosse assim! chega, isso no fundo, nunca daria certo
- eu vou embora, então.. sem olhar pra trás já que isso que você quer

Me virei para não vê-lo partir, antes de abrir a porta, fui puxada e ele me beijou, o beijo durou até o folego acabar e mais um pouco.

- agora eu posso ir - ele disse - obrigado por tentar causar uma briga pra que eu me sentisse melhor
- como...
- eu te conheço, Lindsey - me beijou novamente - mas eu vou fazer como você quer porque... você tem razão como de costume
- o beijei - me desculpa só não quero piorar tudo
- eu te amo, tudo bem? não esquece isso porque... eu não vou esquecer tão cedo - beijou meu rosto
- eu também te amo - o abracei - adeus 
- até logo, eu prefiro... 

O abraço durou um bom tempo, quando nos desprendemos, os dois escolheram não dizer mais nada. Entrei em casa e subi as escadas direto para o meu quarto.
Talvez o futuro esteja me assustando um pouco mas... espero que comece a valer a pena, pra nós dois.



FIM DA PRIMEIRA TEMPORADA! 


--------------------------------------------------------------------------------------------------

OI OI! GENTE ACABOU PRIMEIRA TEMPORADA! desculpa se os capítulos não estavam muito bons 
Daqui a pouco posto os personagens e a sinopse da segunda temporada, beijos - mi 

3 comentários:

  1. Nããããão! Ta MA-RA-VI-LHO-SO!! Não faz isso comigo,continua logo pleeeease. :´) :* <3

    ResponderExcluir
  2. Mds q perfeito <3 eles vão ficar separados :'( continuaaaaa miii ^*^ ♥

    ResponderExcluir
  3. Tá muito incrível...sério, ta demais!
    Continua logo viu!

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*