13 de setembro de 2013

Run Or Die - Capítulo 2



~Você on~

Acordar cedo nunca foi meu ponto forte, eu ODEIO acordar cedo. Por isso em LA, eu sempre estudei de tarde, isso mesmo. Mas agora, Dom e Letty me colocaram pra estudar de MANHÃ. Vocês noção do que é isso? É, eu acho que sim.
Tyler: Seunome? - abriu a porta do meu quarto e já foi entrando.
Você: Que ousadia é essa? - ri - vai entrando no meu quarto e nem pede permissão?
Tyler: Ah, qual é - ele riu - só vim aqui pra te acordar, mas já que você está acordada.. - ele riu - vem, se não vamos nos atrasar pra escola.
Você: A gente que ir mesmo, Ty? - o olhei com cara de cachorrinho sem dono.
Tyler: Sim, temos que estar super disfarçados, Lily - ele me olhou com um sorriso sedutor.
Você: Tudo bem então, Jace - rimos. Ele saiu avisando que tinha dez minutos pra descer pronta já. Levantei rapidamente, tomei um banho rápido, fiz minha higiene matinal, coloquei uma roupa qualquer, peguei minha mochila, meu Iphone, coloquei meu Mac na mochila e desci.
Tyler: Uau, que pontual você - ironizou, afinal eu tinha demorado vinte minutos - não vai tomar café?
Você: Não tenho fome - fiquei parada ao lado de Ty, que estava na mesa com Tom e Letty.
Dominic: Vem direto pra casa depois da escola, ok mocinha? - disse ríspido olhando diretamente pra mim.
Você: Espera, eu vim pra Londres pra que mesmo? - o olhei - pra você me trancar em casa como uma prisioneira? Acho que sim - ironizei.
Dominic: Não! - disse imponente e se levantou - você veio pra cá pra EU te proteger, porque você é MINHA filha!
Você: DESDE QUANDO VOCÊ DECIDIU ASSUMIR ISSO? - gritei - desde que Owen Shaw está atrás de mim pra poder chegar em você? É desde isso? Eu já estou sabendo de tudo Dom.. você está me usando pra se proteger! - disse isso e sai. Não sei porque.. mas senti uma dor em meu coração, talvez porque eu gritei com Dom, talvez por que eu briguei com ele. Tudo talvez, talvez, talvez! Argh! Talvez eu devesse ir embora desse lugar e voltar pra LA! Talvez não.. eu vou fazer isso, e vai ser depois da aula. Mandei uma mensagem pra Tyler avisando o seguinte..
Para: Tyler 
Ty amore, já fui pra escola, desculpa não ter te esperado. No intervalo a gente se vê, beijos.

Não vou contar pra Tyler sobre minha fulga, é claro que ele impediria. Decidi comprar a passagem de avião pelo celular, passagem só de IDA. Minhas roupas e malas eu não estou nem ai, vou deixar tudo aqui, em LA compro coisas novas. Não pretendo voltar pra casa.
Passagem comprada! Meu voo sairia as 16pm. E tudo sairia perfeito! Não vejo a hora de voltar pra Brian e pra Mia!
Enfim, cheguei no inferno, pra ser mais exata, na escola. Peguei meus livros no armário e fui caminhando muito "feliz" pra sala de aula

Me sentei do lado de duas meninas, e na frente, um menino de cabelos cacheados, ele era muito lindo por sinal. Ps: MUITO lindo mesmo!
xx: Oi - a menina que estava ao lado direito falou comigo, ela era linda, tinha cabelos loiros e compridos, e seus olhos eram muito azuis.
Você: Oi - respondi sem muita emoção.
xx: Como é seu nome?
Você: Lily Collins, e o seu? - me virei pra ela. Será que ela percebeu que eu não estava muito afim de conversar?
xx: Meu nome é Carolyne Gadoll. Você é nova aqui, certo?
Você: Sim.
Carolyne: Veio de onde?
Você: Los Angeles.
Carolyne: Logo percebi, seu jeito, seu sotaque, é diferente.
Você: Pois é - sorri sem humor.

Professor: Bom dia alunos - entrou na sala de aula - temos alunos novos hoje? - todos responderam juntos um "siiim" bem animado - hum, vejo três rostinhos novos, podem vir até aqui, Lily, Eleanor e Harry? - me levantei, a menina que estava do meu lado direito se levantou junto, e o LINDO que estava na minha frente também - como vão vocês? Espero que sejam bem recebidos - Eleanor soriru, Harry também, eu continuei com minha cara de 'ninguém percebeu que eu não queria estar aqui?' - bom, aqui temos, Manchester - apontou para Eleanor - Holmes Chapel - olhou para Harry - e Los Angeles, huuum, uma americana - senti olhares maliciosos de vários meninos. Ótimo - podem sentar alunos, vamos começar nossa aula de biologia - blá, blá, blá.. só ouvi até biologia. O tal Harry olhou pra trás e me entregou um bilhete.
Saia da sala, quero falar com você - Harry 

Quem esse menino acha que é pra falar assim comigo? Mas ta né, como sou muito curiosa.
Você: Professor - o interrompi no meio da explicação, ops! - posso ir no banheiro?
Professor: No meio da explicação?
Você: O senhor não vai me deixar ir ao banheiro? - fiz cara de cachorrinho sem dono.
Professor: Pois não - sai da sala e fiquei em frente a porta. Em questão de segundos Harry apareceu.
Você: Quem é você e o que quer comigo? - ele me segurou por trás, tampou minha boca e me pegou no colo. Fiquei me rebatendo em vão, e tentando gritar, também em vão. Ele havia me levado pra uma.. biblioteca?! - seu doido porque fez isso???! - o empurrei e comecei a bater nele.
Harry: Calma, menina, calma! - ele pediu segurando meus braços.
Você: Qual seu problema? 
Harry: No momento está sendo você.
Você: Engraçado, sabia que eu to pensando o mesmo? - disse irônica.
Harry: Você não mudou nada né? - ele sorriu.
Você: E você acha que me conhece, né? - novamente ironizei.
Harry: Te conheço mais do que você mesma, garota - ele riu - ah tanto tempo não te via! Você ta tão linda, e sexy - disse mordendo os lábios, o que me fez ficar, hm, arrepiada. Qual é, ele era lindo, um pedaço de mal caminho. Mas de onde ele me conhecia?
Você: Para de fingir que me conhece, Harry!
Harry: Eu te conheço, Seunome! - ele começou a rir, e eu juro que fiquei com uma cara de pateta. Como ele sabia meu verdadeiro nome? - ou quer que eu te chame de Senhorita Toretto? - e agora sobrenome? Ok, agora estava ficando com medo.
Você: Quem é você garoto? E como sabe meu nome? - o olhei séria.
Harry: Harry Edwards Styles, sou da equipe do seu pai, e estou aqui pra te proteger - suspirei aliviada. Não sei porque, mas senti vontade de abraçar Harry, e assim o fiz - você é bipolar? - ele riu e nós partimos o abraço.
Você: Obrigada por estar me protegendo - sorri.
Harry: Temos que sair daqui, Seunome!
Você: Porque? Dom que me mandou pra cá!
Harry: Porque ele não sabia dos perigos que você ia correr!
Você: Tipo..?
Harry: Sabe a garota nova?
Você: Eleanor? - ele assentiu.
Harry: Ela é da equipe de Owen Shaw! - abri a boca formando um "O". Eu realmente estava surpresa.
Você: Ai meu Deus! Tenho que ligar pro meu pai! - ia pegando meu celular mas ele me impediu.
Harry: Não! Você não pode fazer contato nenhum com seu pai!
Você: Tudo bem. Agora o que fazemos?
Harry: Vem comigo! - ele pegou em minha mão e me puxou, mas eu recuei - o que foi?
Você: Como vou saber que você também não é da equipe de Shaw?
Harry: Você acha que se eu fosse, estaria aqui batendo papo com você? Já teria te raptado!
Você: Tudo bem, vamos

Andamos em passos largos até a saída da escola.
Harry: Oh não! - ele parou em frente ao portão.
Você: O que foi Harry?
Harry: Corre, Seunome, corre! - ele disse e logo eu vi, dois homens que mais pareciam um brutamontes viam correndo em nossa direção.
Você: Mas e você?
Harry: Corre! - ele gritou e tudo o que eu fiz foi correr 
Eu corria igual uma desesperada. Parei pra olhar pra trás e vi aqueles caras pegando Harry e batendo nele, batendo com força.
Você: Ahhhhhhhh! - tudo o que fiz foi começar a gritar 
Logo várias e várias pessoas apareceram, inclusive Tyler.
Você: Ty! - o abracei. Os brutamontes estavam vindo atrás de nós, eles atiravam em todas as pessoas que ameaçavam chegar perto deles. Tyler foi pra cima deles e levou um soco, tentei correr mas foi em vão, eles me puxaram pelo cabelo e me pegaram - Tylerrrrrr! - gritei mais alto, agora eu já estava chorando - me solta, me solta, me soltaaa - eu gritava e chorava, me batendo no colo daquele brutamonte. Passei por Harry e o pude ver jogado no chão, todo espancado, tadinho. Eles foram me colocar dento de um carro mas eu recuei

Você: Me solta, seu filho da puta! Me solta! - eu gritava - eu sei quem vocês são, sei pra quem vocês trabalham - nesse momento, eles me soltaram e me olharam, pegaram um arma e a colocaram na minha cabeça.
xx: Owen vai ficar feliz em te ver.
Você: Se ele me ver, se - os olhei e eles ficaram sem entender nada. Dei um chute nas partes baixas em cada um, sai correndo e fui em direção a Harry - Harry, Harry, acorda por favor - apoiei sua cabeça minha perna.
Harry: Fo..o..ge - era tudo o que ele conseguia dizer. Ele apontou para algo no seu bolso, era uma arma - atrás.. de.. vo..vo..cê - logo me virei e atirei em um brutamonte, em seguida dando um soco bem dado no outro.
Você: Harry você ta bem? - ele foi se levantando e se recuperando.
Harry: To! Cadê o seu irmão? Aii - disse reclamando de dor.
Você: Vamos pegar ele e ir embora daqui!
Eleanor: Ninguém aqui vai embora! - ela apareceu do nada, com uma arma apontada para nós.
Você: Cala a boca sua vadiazinha.
Eleanor: Do que me chamou?
Você: Disso mesmo que você ouviu! - gritei. E logo em seguida olhei pra Harry e sussurrei "cuida do Tyler, eu me resolvo com ela"
Eleanor: Se rende, Seunome! Eu tenho uma arma apontada pra você.
Você: Sério, garota? - ergui uma sobrancelha - dois contra um, você quer isso mesmo?
Eleanor: Cala a boca! - gritou. Logo Harry chegou por trás dela e a arma acabou caindo no chão - me solta, garoto! - Harry jogou a arma pra mim e a soltou.
Você: Agora você se rende! - apontei a arma pra ela 
Eleanor: Você não teria coragem.
Você: Não abuse da sorte - vocês devem estar achando estranho ninguém ter aparecido até agora, sim, era estranho. Mas as salas de aula ficavam no andar de cima, o andar de baixo não tinha nada, e todas as pessoas que estavam lá, aqueles brutamontes os mataram - diga ao Shaw, que ele não vai conseguir o que quer.
Eleanor: Ele vai sim - logo ela veio pra cima de cima e agora sim, nós começamos a lutar. Mas eu dei uma chave de braço nela

xx: Els, vamos! - um menino apareceu na porta, com uma arma na mão. Ele tinha cabelos lisos, meio loiros, e seus olhos brilhavam de tão azuis que eram. Ele era lindo. E eu estava hipnotizada por ele.
Eleanor: Louis, me ajuda! - ela disse ainda sem conseguir respirar, afinal, sua cabeça e seu braço ainda estavam entre minhas pernas. Bom, acho que o nome daquele menino era Louis né.
Louis: Solta ela! - ele apontou uma arma pra mim.
Você: Nem pensar! - disse com raiva.
Louis: Garota eu vou te matar! - ele gritou.
xx: Eu não faria isso se fosse você - logo meu pai apareceu na porta, com uma arma na mão, Niall e mais um menino estavam atrás dele.
Louis: Ah, o papai dela chegou - debochou - solta a minha garota! - gritou.
Dominic: Abaixa a porra da arma! - ele gritou apontando uma arma na cabeça de Louis - Seunome, solta a menina - soltei Eleanor. E ela foi em direção de Louis e o abraçou.
Você: Vão embora! - gritei com ódio.
Louis: Isso não vai ficar assim! - ele gritou - Owen virá atrás de vocês, e vai se vingar, principalmente de você Toretto! - gritou novamente apontando pro meu pai, e saiu de mãos dadas com Eleanor. Entraram em seus carros e saíram velozmente.
Dominic: Obrigada, Harry - Harry apenas assentiu com a cabeça.
Você: Eu quero voltar pra Los Angeles! - disse e sai, fui em direção ao meu carro, já ia entrando, mas sinto alguém segurando meu braço.
Dominic: Você não entende que não estará segura lá garota? - ele gritou.
Você: E aqui eu estou? - gritei novamente.
Dominic: Não, mas aqui você está comigo, COMIGO! - soletrou - eu não te quero longe de novo, Seunome.
Você: Eu não aguento isso Dom - disse triste - me faz um favor? - ele assentiu - traga Mia e Brian pra cá, por favor. Eu quero eles comigo - pedi e entrei no carro. Dei partida e sai andando por ai. Parei no mesmo lugar que conheci Niall ontem, estava vazio. Ouvi barulho de motor, peguei uma arma e me escondi, podia ser alguém me procurando. O carro laranja com preto parou ao lado do meu, e um menino saltou do carro, com uma arma na mão, era Louis.
Louis: Eu sei que você tá aqui.

Você: O que você quer? - sai de trás da pilastra que estava me escondendo.
Louis: Você - me olhou - todos nós queremos você, garota.
Você: Isso é um sonho que nunca vai ser realizado - debochei.
Louis: Bela resposta.
Você: O que ta fazendo aqui, Louis? Você sabe que mais cedo ou mais tarde, meu pai vai chegar aqui, ou alguém da equipe dele.
Louis: Até que enfim você entendeu - ele riu sarcástico - querida Seunome.. isso é estratégia, se pegarmos você, pegamos seu pai.
Você: O que estão esperando? Eu estou aqui - o desafiei.
Louis: Tudo tem uma hora certa, Seunome - ele chegou mais perto de mim, me imprensou na parede e sussurrou no meu ouvido - Shaw só está esperando o momento certo.
Você: Vocês não se atreveriam 
Louis: E porque você acha que não? Garota, os tempos do seu pai já passaram, ele está velho, você acha que ele ainda sabe se defender? Ou defender você?
Você: Escuta aqui garoto! - agora eu o coloquei na parede e falei bem pertinho da boca dele, um milimetro, e o olhei nos olhos - o meu pai ainda é um ótimo corredor de rua, e um ótimo criminoso. Ele não precisa me defender, eu me defendo sozinha. Se Shaw chegar perto da minha família, vocês todos morrem! - sai de perto, e entrei no carro, ele se escorou no vidro do carro.
Louis: Sua família? Quer dizer, Mia e Brian? - ele riu - tarde de mais Seunome.. tarde de mais.. - entrou em seu carro e saiu. Oh não! O que aqueles filhos da puta vão fazer com Mia e Brian?
Chamada on 
Dom: Alô
Você: Dom! Shaw vai atrás de Mia e Brian! Eles tem que vir pra Londres, AGORA! - disse desesperada enquanto dirigia rapidamente.
Dom: Do que você ta falando?
Você: Depois eu te explico! Só fala pra eles saírem de Los Angeles! 
Chamada off

Se alguma coisa acontecer com Brian e Mia, ou Jack (filhinho deles) eu juro que mato um por um da equipe de Shaw, começando por aquela vadia da Eleanor, e o Louis. Argh!

Depois de uma tarde entediada, no meu quarto, trancada, ouvindo músicas deprimentes, minha mãe me dá uma boa notícia. Já passavam das duas da manhã..
Letty: Oi oi - bate na porta e entra no quarto sorridente - Mia e Brian chegaram, junto com Jack.
Você: Sério? - abri um sorriso enorme, e tudo o que fiz foi sair do quarto correndo, chegando lá embaixo, dou de cara com os três! Que saudade! - Brian disse sorrindo e pulando em seu colo. Não ataquei Mia AINDA pois ela estava com Jack no colo, e ele estava dormindo.
Brian: Minha gatinha! - sorriu ao partimos o abraço - parece que não nos vemos a tanto tempo - rimos.
Você: Mia! - a abracei, assim que ela deu Jack para minha mãe segurar.
Mia: Oi minha linda! - partimos o abraço e ela me beijou no rosto.
Você: Por favor me digam que vocês deram um jeito de trazer Andy, Toy e Beyle? - fiz biquinho.
Mia: Claroooo! - ela bateu palmas estilo "foquinha" e nós rimos.
Você: Cadê eles?
Brian: Estão no quintal, meu anjo, daqui a pouco eles entram pra dormir.
Você: Tentem mantê-los longe do meu little Dom - eu ri, pegando meu bebê pequeninho no colo.
Mia: Anw, que lindo! - disse fazendo carinho em dom.

Brian: E então? - ele perguntou enquanto observávamos o céu estrelado. Era quase de manhã já e eu e ele estávamos sentados no telhado da janela do meu quarto, totalmente com insônia.
Você: Então o que? - o olhei.
Brian: Como está sendo morar aqui? Casa nova, vida nova, pessoas novas..
Você: Tá falando de Niall e Harry?
Brian: Também.
Você: Quem mais?
Brian: Letty, Dom, Tyler.. sua família, Seuapelido.
Você: Minha família, Brian? - o olhei - minha família sempre foram você, Mia e Jack.
Brian: Não diz isso, seus pais te amam, garota - ele fez carinho em minha cabeça.
Você: Eu sou uma adolescente muito revoltada, né? - ele assentiu rindo - como vou superar isso tão rápido, Brian?
Brian: Eu não faço ideia - nós rimos

Você: Sabe o que nós devíamos fazer?
Brian: O que?
Você: Nos juntar a equipe do meu pai, digo, Niall, Harry, e os outros, que eu ainda não sei quem são.
Brian: Te apresento.
Você: Enfim, vamos nos juntar a eles, Brian, ir atrás desse Shaw e acabar com ele e toda a sua equipe! Para termos liberdade.
Brian: Você está disposta a isso?

Você: Eu estou disposta a qualquer coisa.
Sim, eu estava disposta a qualquer coisa pra me ver livre, pra ver minha família livre, Niall e Harry também. Nenhum deles merecia aquilo, e eu não poderia deixar essa situação continuar.

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Eiiii lindonas. Bom dia, primeiro capítulo logo de manhã :3 hihi AMEI os comentários do primeiro capítulo, achei todos muito lindos *-* vi duas fãs de velozes e furiosos haha quem é fã de velozes e furiosos grita: euuuuuuuuu \o/ 
Enfim meninas, continuo com mais de 20 comentários
Beijosss, Mila :3  

37 comentários:

  1. Continua fofa ta mtt boa a sua fic !continua hoje por favor !

    ResponderExcluir
  2. Euuuuuuuuu \o/ kkkkk ta lindo flor continua !!!

    ResponderExcluir
  3. Euuuuuuuuuuuuuuuuu \o/ asuhshaush continua rápiido porfavoor!!
    XxAnna

    ResponderExcluir
  4. Euuuuu \ooooo/ ;É tanta ação q eu to destroçada no chão haha continua logo.
    Larissa :)

    ResponderExcluir
  5. Estou viciada! Amanda cada frase dessa fic! Eu sou completamente apaixonada por velozes e furiosos, com certeza um dos meus filmes preferidos, e agr existe uma fic com os meninos junto com velozes e furioso? Só pode ser perfeição! Ja virei fã

    ResponderExcluir
  6. Ta Maravilhosa a sua Fanfic, too amanduu tuudoo!! Continua pf!! Bjuuss Mila!

    ResponderExcluir
  7. Sério to amando!!
    Se vc não quiser que eu morra continuaaaaa!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. continuaaaaaaa ta perfeito, maravilhoso, se vc não continuar eu amanhã vou ser uma pessoa morta

    ResponderExcluir
  9. Euuuuuuuuuuu!! continua ta perfeito!!! to adorando!!!

    ResponderExcluir
  10. euuuuuuuuuuuuu \o/ hahahah já fiquei sonhando com o primeiro capitulo e o segundo foi tipo PER-FECT! sério nunca vi uma fic q nem a sua to amando! eu sou muito fod* nessa fic :P
    Isaxx

    ResponderExcluir
  11. euuuuuu\o\ AMEII CONTINUA
    -GABBIE

    ResponderExcluir
  12. continua
    -gabbie

    obs: desculpe pelo meu desespero mais é q eu to apaixonada pela fanfic e olha q so ta no segundo episodio imagina no ultimo...

    ResponderExcluir
  13. ameii
    continua...
    by: mariana

    ResponderExcluir
  14. Que fic maravilhosa é essa Mila amei continua !!!

    ResponderExcluir
  15. Que fanfic mais idiota

    ResponderExcluir
  16. continua please meu deus que isso eu soufã de velozes e furiosos

    ResponderExcluir
  17. eeeeeeeeeeeeeeuuuuuuuuuuuuuuu\0/ sou muito fã de velozes e furiosos esse é o melhor filme do mundo!!! e estar nele é d+!!!

    bjs maryy clara

    ResponderExcluir
  18. eeeeeeeeeeeeeeuuuuuuuuuuuuuuu\0/ sou muito fã de velozes e furiosos esse é o melhor filme do mundo!!! e estar nele é d+!!!

    bjs maryy clara

    ResponderExcluir
  19. Que pfto, é diferente de qq outra fic mas ta PERFEITA, serio to morrendo, sua diva! Continuuua <3

    Bjs da Leh xx

    ResponderExcluir
  20. EUUUUUUUUUU eu piro em velozes e furiosos \o/ Amei o cap, CONTINUAA

    ResponderExcluir
  21. Euuuu eu aMo velozes e furiosos

    ResponderExcluir
  22. Ouu,sério amando DEMAIS essa sua fanfic,passa o seu face amr?

    ResponderExcluir
  23. euuuuuuuuuuu \o/ estou amando <3!

    ResponderExcluir
  24. euuu \O/ ta muito bom esse capítulo quando ela bate na Els é muito emocionante eu sinto como se estivesse lá. Parabéns denovo :D
    jessika

    ResponderExcluir
  25. Euuuuu \0/ ta perfeito

    ResponderExcluir
  26. caraca ... eu amuuuu velozes e furiosos e essa fic chegou pra abalar meu coração .. tipo ta perfeita amei d+
    tatah aq

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*