12 de junho de 2014

The Hunger Games Cap. 10 - wait.. what?



- tudo bem - Niall concordou - espero que esses jogos acabem logo 

- todos nós queremos - Louis comentou e se sentou na cadeira

Harry P.O.V. 

Eu estava andando pela floresta junto com os outros, estava tentando achar {seu nome}, quando ela disse que não confiava em Cameron não pensava que era algo tão sério assim, a ponto de fazê-la sumir de tal forma ... havia se passado mais de um dia, eu quase fui morto por uns dois animais, e incrivelmente consegui me livrar disso, sem ela, parece que superei as expectativas até da minha irmã. 
Mas eu precisava achá-la, estava com quase todos os tributos que sobraram, acho que não apenas com um do distrito 3... 
Continuei andando, até ver um corpo no chão, me aproximei, era dois, mas estavam apenas dormindo, era {seu nome} e o que faltava do distrito 3, parece que ficaram amigos, isso não é muito legal... não sei talvez eu não tenha gostado muito, me abaixei e mexi em seu ombro. 

- hum? - se levantou - Harry - sorriu e me abraçou 
- pensava que você estava morrendo ou algo assim - correspondi ao abraço 
- eu te procurei, mas me machuquei 
- parece que finalmente encontramos vocês - Cameron sorriu - ah, Justin está com você - sorriu falso 

Justin coçou os olhos e se levantou, me aproximei dele e sussurrei em seu ouvido "finja", ou seja, fingir que nada aconteceu. 
Me virou para Cameron e sorri. 

- Pois é, parece que você finalmente nos encontrou Cameron... 
- Justin está tudo bem? - ele perguntou
- ele chegou aqui meio machucado, disse que foi um lobo - riu baixo - juro que quando encontrar esse animal - olhei nos olhos de Cameron - vou matá-lo 
- é.. é - Cameron gaguejou - eu ajudo - olhou pra baixo - bem .. achamos comidas etc... 
- querem ficar parados um pouco aqui? - Justin perguntou 
- pra mim parece uma boa ideia - Johny do distrito 4 concordou 


2 DIAS DEPOIS - 


{Seu Nome} P.O.V.

Incrivelmente os jogos estavam parados, por algum milagre, Cameron ou Ella, não matavam ninguém ...
Estava de noite, todos dormiam, menos eu, perdi o sono, me levantei e andei um pouco, ouvi um barulho, e logo uma explosão, pensei que seria mais um tributo morto, porém não, o que eu vi foi... fogo. 
Corri até os outros tributos que estavam acordando. 

- FOGO! - gritei - vamos, peguem suas coisas e corram! 

Todos levantaram-se rapidamente, o fogo se aproximava de nós, começamos a correr, o que poderíamos fazer contra o fogo? estávamos ali presos, corremos o máximo que podíamos enquanto as chamas se aproximavam, Magareth do distrito 11 caiu, Harry a ajudou a se levantar, enquanto as chamas já pegam suas pernas, Harry tentava puxá-la, mas logo as chamas o pegariam também, já estava com as mãos um tanto queimadas, Margareth não conhecia mais andar, logo caiu novamente, ainda em gritos, foi uma cena horrível, tive que puxar Harry, ele não queria ir, queria ajudá-la, mas tive que puxá-lo e voltamos a correr, entramos em uma caverna, e logo as chamas pareciam ter parado. Todos sentamos cansados, olhei para Harry que estava cabisbaixo tomando um pouco de água, me aproximei, e me agachei na sua frente. 

- tudo bem? - perguntei 
- ela morreu.. deixei ela morrer 
- ela caiu, você não podia fazer nada 
- podia sim, eu poderia ter... ter... 
- não Harry, você não podia ter feito nada, ela caiu, você não tem culpa, você não podia morrer junto com ela, você tinha chances, ela não 
- por que está me ajudando? sou responsável afinal por outra morte, não é? Seus pais, agora Margareth eu ... 
- não fala disso tá legal? Meus pais são meu problema, não fale sobre eles - disse séria 
- desculpa, é que eu - abaixou a cabeça - estou mal por vê-la morrer daquela forma 
- suspirei - tudo bem - o abracei - tá tudo bem 
- você parece mal também, tudo bem? - me desprendi do abraço - sim - me levantei - vou ver se está tudo bem 

Saí andando para fora da caverna, a floresta estava queimada, o cheiro e a fumaça era horrível, voltei logo à caverna. 

- É melhor ficarmos por aqui - falei - a fumaça lá fora está horrível 

Todos concordaram, me sentei em um canto, e logo Harry sentou-se ao meu lado, pousei minha cabeça em seu ombro, ele me abraçou de lado, estava tão cansada, que poderia dormir, fazia dois dias que eu não dormia. 

- o casal é uma graça - Cameron disse irônico 
- o encarei - gostou? quer autógrafo também? - eu disse no mesmo tom 
- calma - riu - não precisa ser ignorante docinho 
- não me chama de docinho, melhor calar sua boca antes que... 


Eu ia me levantar, mas Harry me segurou. 

- tudo bem,cara... bem, você sabe como é 
- eu sei, controle sua onça aí - riu e saiu 
- ONÇA?! Seu f... 
- shh - riu baixo - você não tem jeito em 
- ele é um babaca, odeio ele 
- por quê? ele só é sarcástico, mas fora isso, não faz nada 
- não faz nada, vai nessa, que você perde a vida - revirei os olhos 
- como assim? 
- nada, Harry... nada - olhei de relance para Justin - só não confio nesses dois perfeitinhos do distrito 1... 
- sorriu 
- o que foi? 
- você é tão desconfiada... 
- que foi meu amorzinho, não gosta? - disse irônica 

Ele riu, sabia que eu não iria xingá-lo ou algo do gênero afinal, somos o "casal" dos jogos vorazes... 
Olhei nos olhos de Harry que ainda sorria pra mim, desviei o olhar e suspirei. 

- tudo bem? - estranhou 
- podemos conversar depois? 
- claro... - disse desconfiado 

Depois que já estava tarde, todos dormiam e eu e Harry ficamos de vigia, saímos um pouco da caverna estava de noite, a cada segundo ele me questionava o que estava acontecendo, se eu estava bem..

O abracei e fechei meus olhos... 

- eu tive que matar uma pessoa 
- por quê? - perguntou sem me soltar 
- pra me proteger... ele ou eu 
- ele queria te matar, você só se protegeu 
- mas foi horrível 
- tudo bem - beijou minha testa - já acabou 
- não, não acabou - o encarei 

Ele ficou em silêncio, e voltou a me abraçar, sabia que eu estava certa, não acabou na realidade só é o começo, por enquanto, só Cameron e Ella quer nos matar, mas não quer dizer que isso não possa mudar. 


Dia seguinte - 


Eu estava sentada, afastada de todos, decidi procurar algo para nós comermos, Andrew do distrito 11 se ofereceu, fomos procurar comida, ele parecia legal, as poucas vezes que conversamos ele sempre era simpático, olhos pretos, um pouco forte, cabelos arrepiados... ele é bonito, Harry também gosta muito dele. 


- acho que deve ter algumas frutas pra lá - apontou 
- okay... vou pra esse lado e você para o outro, certo? 
- tudo bem - sorriu 

Olhei em seus olhos, que pareciam guardar alguma coisa, parecia que ele estava planejando algo, que pelo seu olhar, não envolvia em procurar comida, balancei a cabeça tentando tirar esse pensamento de mim, e segui para o lado oposto. 
Caminhei em busca de frutas, e logo achei um punhado no chão, parecia morangos, me abaixei, e pude sentir a presença de alguém logo atrás de mim. Me levantei lentamente, e os passos cautelosos atrás de mim pareciam se aproximar, eu estava sem meu arco e flecha, por segundos havia confiado... mas no momento em que me virei fui derrubada no chão por Andrew. 

- SEU TRAIDOR! - gritei tentando me soltar 
- fique quieta, ou será mais doloroso - ele disse tentando segurar minhas mãos 
- não! me solta! - bati em seu peito
- shh 

Ele finalmente conseguiu segurar minhas mãos, não sabia que ele era tão forte assim, ele segurou meus punhos com uma das mãos e com a outra tampou minha boca. 

- agora eu sei porque Harry gosta de você - sorriu - você é mesmo muito bonita, e não tem ideia o quanto seu desespero torna as coisas interessantes - sorriu 
-mordi sua mão fazendo- o tira-la da minha boca - me solta seu babaca! 
- acho desperdicio te matar sem mais nem menos.... o que sugere que eu faça com você? - sorriu 
- me solta - tentei me soltar - por favor - sussurrei 
- parece que temos alguém assustada aqui - ele riu 
- você é um traidor... confiava em você 
- isso é um jogo - sorriu - não uma amizade 
- o que vai fazer? 
- aproximou-se dos meus lábios - ainda estou em dúvida o que fazer antes de te matar - sorriu 

Ele sorriu, mas logo seu sorriso se desmanchou, seu corpo pesou sob o meu e logo o joguei para o lado. Eu estava ofegante, me levantei e olhei para Harry que estava vermelho de tanta raiva. Olhei para trás, e Andrew estava com uma faca bem no meio de suas costas. 
Me sentia envergonhada, como pude confiar nele? Qual o meu problema? 
Enquanto eu mentalmente brigava comigo, Harry se aproximou, ele iria tocar em meu braço mas eu me afastei. 

- vamos voltar - eu saí andando 
- ei, ei {seu nome} - ele me alcançou e segurou em meu braço - ele fez mais algo com você? Tudo bem? 
- estou bem, obrigada por me ajudar... mas eu iria me virar 
- eu notei o quanto você estava se virando com aquele cara encima de você - quase gritou 
- tá bom Harry! Chega, para de falar! 
- o que foi? - se aproximou - fala pra mim - ele disse mais calmo 
- eu fiquei assustada tá legal? Eu já quase passei por isso no distrito, era apenas eu e minha irmã depois que minha tia morreu, eu estava procurando por comida, e ... e um qualquer me segurou, e quase tirou toda minha roupa, eu fiquei assustada, desesperada - eu disse já quase chorando - eu... eu consegui me afastar, consegui ir embora... mas eu nunca esqueci disso, pensava que isso ia acontecer de novo - eu comecei a chorar desesperada - ai que droga, qual o meu problema?! - disse a mim mesma 
- não chore - veio até mim - está tudo bem
- não me toca, Harry... está notando o quanto eu sou fraca? Isso é ridiculo 
- olha pra mim - segurou em meus ombros 

Eu estava de cabeça baixa, nunca pensei que estaria dessa forma novamente... mas logo levantei devagar minha cabeça, finalmente olhando no fundo dos olhos extremamente verdes de Harry. 

- não fique assim, eu estou aqui 
- eu...- suspirei - não sei 
- não sabe o que? está assustada? isso é normal, eu também fiquei - me abraçou - não queira que eu não te toque ou algo do gênero nunca faria nada disso com você, está tudo bem 

Fechei meus olhos sentindo seus braços me rodearem, me sentia melhor, simplesmente isso, como um abraço pode mudar tudo assim, tão facilmente? Logo ouvi uma explosão, provavelmente para avisar da morte de Andrew, mas mesmo assim, não me desprendi do abraço de Harry, que beijou minha testa, e parecia que sorria. Sem partir o abraço o encarei, nossos rostos estavam próximos, se eu me esticasse um pouco, provavelmente nossos lábios se tocariam, nessa hora, me lembrei que eramos o casal favorito dos Jogos vorazes, Harry segurou em meu rosto e me deu um selinho rápido, porém eu que já estava com os braços rodeando seu pescoço, me estiquei ficando na altura de seus lábios e o beijei. 
Era um beijo calmo, eu não sabia de fato porque fiz isso, mas fiz... sua mãos apertaram minha cintura, e eu me aprofundei no beijo, deixando-o mais intenso, parei o beijo com um selinho, e me afastei abrindo meus olhos lentamente... 
Harry me encarou, seu olhar estava confuso,  eu logo me soltei dele e me afastei... 

- é... vamos... vamos voltar 
- não, espera - segurou meu braço - o que... o que foi exatamente isso? 
- foi, um obrigado - dei de ombros - o que uma boa atriz faz - sussurrei 
- me soltou e saiu andando - foi ótimo - se virou e me encarou - sabe - colocou a mão em minha nuca e sussurrou em meu ouvido - por segundos, acreditei que fosse real 

Ele me soltou e saiu andando, encarei se afastar um pouco e logo me recompus andando atrás dele, ao chegarmos na caverna, perguntaram se eu estava bem (mas o único que perguntou e eu acreditei que fosse real foi Justin), Harry explicou tudo (deixando de fora o beijo), e finalmente todos pareceram mais calmos, e outros tributos foram buscar comida, me deitei afastada dos outros, e fechei meus olhos, apenas querendo esquecer tudo o que havia acontecido... 

Por segundos, acreditei que fosse real 


Isso passou por minha mente, foi real... mas não sei qual era o sentimento, se o sentimento era real... não era... eu estava assustada, agi sem pensar, qual meu problema? Ultimamente não sei nem mais quem eu sou... fechei meus olhos e decidi deixar o sono me vencer e finalmente dormir.... 

Continua....


------------------------------------------------------------------------------------

eae !! vcs viram, teve mó beijão ai em huaheau, não vou dar spoiler... mentira vou sim, harry vai fazer merda, só esperem e.e 
HOJE TEVE JOGO DO BRASIL E GANHAMOS MODAFOCAS! Gente, fiquei muito alegre, fui pra rua gritar igual uma retardada, mas estou muito feliz, sério haha, bem, já vou, beijos <3 e vejam essa fic no animespirit? - http://socialspirit.com.br/fanfics/historia/fanfiction-one-direction-sex-on-fire-1684692

beijos amores <3

19 comentários:

  1. Mds mds mds, mó beijao ein, adorei. Nao vejo a hora de cameron e ella morrerem hahahaha (yeah, i'm bad) entao, continue logo, vc demorou pra postar e eu quade morri </3. Menina, tu viu aquele jogo? Surtei! VAI BRASÉUUU HAUSHAUSH

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ninguém gosta deles u.u e.e
      EU VI MANO eu tava na rua, todo mundo gritando quase morri mds

      Excluir
  2. Amei o beijo haha só estou com medo e curiosa pra saber oq o harry vai fazer

    ResponderExcluir
  3. Wow ameiii esse capítulo! Tá cada vez melhor meninaaaaa! Please pleasee continua logo! Ixiii Harry vai fazer merda é? :// nossa que jogo né? E aquele hino? Nossa fiquei arrepiada! Hahahah até chorei! #mico mas gritei afuu tbm :P bjsss
    Isa xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada amor <3 vai ehauuahua
      MDS AQUELE JOGO FOI DMS PRO MEU HUMILDE CORAÇÃO

      Excluir

  4. Oiie, essa fic tá perfeita, e sinceramente eu estou amando, estou acompanhando a historia, lendo com todo orgulho e paixão, e CONTINUA, POR FAVOR, SINCERAMENTE ESSA FIC TÁ PERFEITA <3
    Eu já li uma fic tão perfeita, mais pra minha tristeza Terminei de ler todinha, procurei por novas e nada me agradava e pra minha alegria achei a sua q me agradou assim que li o titulo e comecei a ler o primeiro, amo romance <3 por favor continua... Um Grande Beijo Da Rays <3 xoxo
    @truez4rry

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa Rays muito obrigada mesmo, <3 fico muito feliz por vocês estar gostando da fic, espero que continue gostando :3

      Excluir
  5. Pf pf pf pf pf , continuaaaaa LOGOOOOOO!!!
    AMEIIII esse cap.!!!!!
    To anciosa pelo outro!!

    ResponderExcluir
  6. tá perfeitaaaa! parabéns!!
    sou Directioner e Tributo, então imagina ai como estou encantada com essa fic?! <3
    continua, flor!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai mds obrigada linda <3 vou continuar e.e

      Excluir
  7. Amei esse beijo,o casal dos jogos vorazes rsrsrs. Continua logo,amei o capítulo. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. heuahue, obrigada linda, vou continuar *u*

      Excluir
  8. Aiii perfeito! Amei o capítulo! Continua... xX

    ResponderExcluir

Não saia sem comentar. Dê sua opinião!!! Malikisses *-*